Banner superior
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Fiona mantém comando na vitória de Maria Martins

A corredora portuguesa Maria Martins (Sopela Women’s Team) venceu hoje, na categoria de elite, a quarta etapa da Taça de Portugal Feminina Jogos Santa Casa, um contrarrelógio individual de 18,7 quilómetros, disputado em Vila Nova de Tazem, que permitiu à britânica Fiona Hunter-Johnston (Fusion Velo Performance) manter-se no comando da geral.

Maria Martins

Maria Martins num excelente momento de forma, mas Fiona Hunter-Johnston continua no comando

O exercício individual mostrou Maria Martins num excelente momento de forma.

A corredora ribatejana completou o exercício individual em 30m11s, menos 49 segundos do que a segunda classificada, a colombiana Jenyffer Puentes(Efapel/Escola de Ovar). Fiona Hunter-Johnston defendeu o primeiro lugar na geral com o terceiro posto no contrarrelógio, a 1m18s da vencedora.

Fiona Hunter-Johnston e Maria Martins são agora as duas corredoras em destaque na luta pela Taça de Portugal Jogos Santa Casa na categoria de elite.

A britânica parte para a quinta e última prova pontuável com 130 pontos, mais 20 do que Maria Martins. A vitória na corrida decisiva vale 50 pontos.

Pódio Elite

A luta na categoria júnior ao rubro

A luta pela conquista da Taça de Portugal está ao rubro na categoria júnior, cujas corredoras, tal como as cadetes e as masters, competiram num percurso de 15,5 quilómetros.

Joana Vinagre (Bairrada) foi hoje a mais forte, em Vila Nova de Tazem, precisando de 27m58s para completar o percurso. Foi 34 segundos mais rápida do que Joana Pereira (5Quinas/Município de Albufeira/CDASJ). A terceira foi Nádia Henrique (Mato Cheirinhos/Vila Galé/Etopi), a 58 segundos.

Com este resultado, deu-se um volte-face no topo da geral. Joana Vinagre ultrapassou Joana Pereira. Vão para a corrida final separadas por apenas cinco pontos.

Daniela Campos vence mas ainda não têm o troféu garantido

Daniela Campos (5Quinas/Município de Albufeira/CDASJ) demonstrou grande superioridade na categoria de cadetes, concluindo o exercício individual em 25m58s. A segunda classificada foi Beatriz Roxo (Maiatos/Reabnorte), a 1m25s. A terceira foi Beatriz Pereira (Bairrada), com mais 1m40s do que a vencedora. Daniela Campos reforçou o comando na geral, mas não tem ainda o troféu matematicamente garantido.

Raquel Marques vence e garante troféu

A master 30 Raquel Marques (ASC/Focus Team/Vila do Conde) estreou-se na edição de 2018 da Taça de Portugal com uma vitória no contrarrelógio de Vila Nova de Tazem, graças a um registo de 26m11s. Rita Reis (Mato Cheirinhos/Vila Galé/Etopi) foi a segunda classificada, a 1m15s.

Um resultado que lhe permitiu garantir desde já a conquista da Taça de Portugal Jogos Santa Casa em masters 30.

Ana Neves vence e reforça comando

Ana Neves (Bike & Nutrition Shop) venceu em master 40 e reforçou o comando nessa categoria. Cláudia Ribeiro (Maiatos/Reabnorte) foi a única master 50 em prova e é, até ao momento, a única ciclista pontuável nessa categoria.

A Taça de Portugal Feminina Jogos Santa Casa termina neste domingo.

A final acontece no centro da cidade de Gouveia, a partir das 10h00.

Texto / Fotos: UVP / FPC

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta