Banner superior
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Aleksandar Indjic e Nikita Petrov discutem título

O grande mestre sérvio Aleksandar Indjic e o mestre internacional Nikita Petrov defrontam-se no duelo decisivo para saber qual dos dois se proclama como o rei do Open de Portugal de xadrez de 2018, prova que decorre no segundo pavilhão do Complexo Desportivo Municipal do Casal Vistoso, em Lisboa.

Indjic
Aleksandar Indjic

Na oitava jornada do torneio, com alguma surpresa, Indjic superou na primeira mesa o grande mestre russo Anton Demchenko – número 2 do torneio e 71.º jogador mundial, enquanto Petrov foi mais forte do que o grande mestre polaco Tomasz Warakomski no segundo tabuleiro.

Indjic
Partida Anton Demchenko – Aleksandar Indjic

Indjic e Petrov passaram a somar 7 pontos

Nikita Petrov

Com estes resultados, Indjic e Petrov passaram a somar 7 pontos, mais meio do que um grupo de seis xadrezistas, que, em caso de empate na primeira mesa da ronda 9, ainda aspiram à vitória final.

São eles Baduur Jobava (Geórgia), Anton Demchenko (Rússia), Tigran Ghamarian (França), Samuel Sevian (Estados Unidos), Christopher Repka (Eslováquia) e Oleg Korneev (Espanha).

O grande mestre Luís Galego e o mestre internacional Rui Dâmaso os melhores portugueses

Após oito jornadas, os melhores portugueses na prova são o grande mestre Luís Galego e o mestre internacional Rui Dâmaso, vencedores, respetivamente, de Ravi Haria (MI, Inglaterra) e Sérgio Rocha (MI, Portugal). Os dois somam 6 pontos, menos um do que os líderes, e tentam atingir o top-ten final, que será um feito significativo para o xadrez português.

O campeão nacional André Ventura Sousa em destaque

Outro jogador luso em destaque no torneio é o mestre internacional e campeão nacional André Ventura Sousa, que na oitava jornada empatou com o grande mestre canadiano Kevin Spraggett e segue no grupo dos 20.ºs classificados, com 5,5 pontos.

Texto / Fotos: Federação Portuguesa de Xadrez

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta