Banner superior
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

João Lavado expectativas, superação e medalhas

João Lavado selecionador da Orientação em BTT esteve à conversa com a nossa equipa de reportagem dialogando sobre o que é a orientação, balanço e expectativas.

João Lavado

João Lavado fala sobre a Orientação

A orientação em qualquer uma das suas disciplinas, é uma modalidade bastante interessante de praticar uma vez que simultaneamente se exercita o físico e a mente. E na maior parte dos casos sempre em locais de muita beleza natural. Desporto onde os praticantes podem também dispor de escalões de lazer em alternativa à competicao muito exigente.

Nos últimos anos a modalidade cresceu também para fora das florestas, aumentou a sua prática em parques naturais e de lazer e teve um enorme crescimento com os “City races“, modalidade praticada praticamente na sua totalidade em espaços urbanos.

As disciplinas da modalidade são:

Orientação pedestre
Orientação em btt
Corridas de aventura
Rogaine
Precisão

A modalidade tem representações internacionais através das suas Selecções de :

Orientação pedestre
Orientação em btt
Precisão

E depois de falarmos sobre o que é a orientação, pode saber mais aqui, passamos à entrevista.

Davide Machado
Davide Machado carregado aos ombros pelos restantes elementos que representam Portugal neste Campeonato do Mundo de Orientação em BTT

O Praticante – Que dizer da participação portuguesa neste Campeonato?

João Lavado – Apesar de ainda estarmos no início da competição a participação nacional está a ser muito positiva, não só pelos pódios de Davide Machado e Marisa Costa que obtiveram uma medalha de Prata, como também pelas prestações dos outros atletas.

Marisa Costa com o selecionador nacional João Lavado

O Praticante – Estes resultados estavam enquadrados nas perspectivas e objectivos traçados para o mesmo, ou foram superados?

João Lavado – Os resultados estão dentro das expectativas, e talvez ainda surja mais alguma surpresa… apesar do duríssimo golpe que foi perder um dos mais brilhantes e promissores jovens da modalidade “Duarte Lourenço”

O Praticante – Que perspectivas para a participação dos atletas nas provas que faltam ?

João Lavado – Nas restantes provas esperamos superar as expectativas uma vez que os atletas nacionais estão a superar se continuadamente.

O Praticante – Sobre o terreno onde se está a realizar o Campeonato, o que pode referir de melhor e pior

João Lavado – O terreno foi uma agradável surpresa, do melhor nas últimas edições, pelo menos nos locais já disputados, tal como as condições logísticas. Fisicamente e tecnicamente um terreno difícil e exigente que leva a competição a um nível muito elevado.

Para terminar lamentar apenas o facto da fraca divulgação nacional dos feitos na orientação nacional, pedestre e em btt, com a exclusão do vosso meio que têm feito um trabalho meritório, com as condições de que dispõem.

Texto: Henrique Dias com a colaboração de João Lavado e Patricia Casalinho
Fotos: João Lavado

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta