Banner superior
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Mem Martins uma prova de muitas horas para muitos km

24h que traduzidos em kms, foram 170km, a distância percorrida pelo Luís Matos , na 1ª edição das 24h de Mem Martins, em Sintra, que decorreu nos passados dias 5 e 6 de outubro, cumprindo assim o seu objetivo de superar o seu record pessoal de 150km na mesma prova.

Luís Matos

Luís Matos superou-se

Luís Matos após um nervosinho miúdo no início das 24h de Mem Martins com receio da monotonia do percurso por ser em circuito fechado e por desconhecer a resposta do corpo com o passar das horas, sentiu-se longe do cansaço extremo, atingindo o seu principal objetivo a duas horas do final da prova, concluindo no 3º posto da prova a solo após 81 voltas ao circuito, logo atrás de, Bogdan Ninovsky com 176km em 84 voltas.

No 1º lugar ficou colocado Francisco Mira Gaio e Antonieta, que arrebatou o 1º lugar com 90 voltas ao circuito, fazendo na totalidade 189km.

Francisco Mira Gaio

Ana Amaro e Célia Azenha duas heroínas nas das 24h de Mem Martins

De destacar a participação feminina a solo com duas autênticas heroínas na prova, sendo que Ana Amaro, percorreu 67 voltas perfazendo a distância total de 140km, seguida por Célia Azenha, conquistando o 2º lugar com 19 voltas e 39km de prova.

Célia Azenha e Ana Amaro

A nível de equipas na prova das 24h de Mem Martins no tempo de 24h, Os kotas Bike Team conseguiram o 1º lugar na classificação com 119 voltas á frente da equipa Adra com 84voltas.

Os Kotas Bike Team cumpriram os objetivos a que se tinham proposto e pensam já na edição do ano 2019 com a boa prestação do António Parreira ( Casinhas), a fazer 59km e 29 voltas, Henrique Espada 55km e 27 voltas, António Teixeira 53km e 26 voltas, Nuno Chainho 76km e 38 voltas.

Os Kotas Bioke Team

Na prova de 12h, 2 resistentes que concluíram com êxito o desafio a que se propuseram, Joaquim Fernandes com 42 voltas conquistou um 1º lugar renhido a Daniel Cerzon com 40 voltas, apenas menos duas que o vencedor.

Nas 6h e apesar do tempo de prova dos 5 participantes ser praticamente idêntico, tudo dentro do minuto 58 após as 5 horas de prova, a diferença fez-se pelos kms percorridos por cada atleta, Ruben Santos, foi o 1º classificado com 71km e 34 voltas, Emanuel Ramalho com 61km e 29 voltas foi o 2º classificado. O 3º classificado foi Hugo Reis com 53km e 25 voltas, à frente de Nelson Santos com 48km e 23 voltas, o 4º classificado. Por fim, no 5º lugar ficou classificado Carlos Nabiça com 46km e 22 voltas, a uma escassa volta do 4º lugar.

A prova de 3h foi dominada por José Jarmela, com 38km e 18 voltas, conquistando o 1º lugar, seguido de Jorge Leite, com 34km e 16 voltas renhido com Gabriel Henriques, a encerrar o pódio também com 34km e 16 voltas. Neste percurso esteve presente mais um elemento dos Kotas Bike Team, José Vilhena, classificado no 6º lugar da geral e 2º do escalão, com 28km e 14 voltas.

No percurso de 3h na vertente feminina, este presente mais uma guerreira, Elsa Mota, a concluir o evento com 27km e 13 voltas.

Mem Martins

A Organização de parabéns

A organização esteve a cargo da Associação Desportiva Real Academia, que pela opinião dos atletas presentes está de parabéns pelo evento no geral, desde marcações e escolha do circuito misto entre terra batida e passadiços de madeira, assim como todo o apoio logístico e nas condições criadas para os atletas presentes no evento, como tal esperemos que o sucesso do evento se mantenha para a próxima edição.

Em nome de OPraticante.pt os meus / nossos parabéns a todos os atletas que participaram neste evento de elevada dureza e esforço físico e mental que não estará certamente ao alcance de qualquer um, mas que com muito espírito de sacrifico lá chegará.

Visualize mais fotos efectuadas por Orlando Duarte.

Os meus parabéns e agradecimentos ao Orlando Duarte pelas fotos cedidas e à Milene Matos pela cooperação para a elaboração deste artigo.

Texto: Francisco Heitor
Fotos: Orlando Duarte

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta