Banner superior
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

A segunda conquista consecutiva do rei Alarcón

Raúl Alarcón confirmou, este domingo, em Fafe a segunda conquista consecutiva na Volta a Portugal Santander. Para terminar e provar que foi o mais rápido no conjunto dos 11 dias de competição, o espanhol fez o terceiro tempo no contrarrelógio final controlando o andamento e não assumindo riscos desnecessários ao longo dos 17,3 quilómetros do percurso que encerrou a prova.

Num autêntico assalto à classificação coletiva, a W52-FC Porto colocou cinco dos sete corredores da equipa nos dez melhores do último dia. No dia anterior, após a Senhora da Graça, Alarcón já tinha garantido a Camisola Azul Liberty Seguros da montanha. “Estou muito contente.
São muitas emoções…
A verdade é que fiquei sem palavras.
Mais uma vez demonstrámos que estamos bem e unidos“, salientou o vencedor da 80ª Volta a Portugal Santander.

Alarcón
Raul Alarcón

Rei Alarcón vence pela segunda vez consecutiva

Alarcón terminou com 1 minuto e 3 segundos de vantagem sobre Joni Brandão (Sporting-Tavira), que conseguiu segurar o segundo lugar, apesar da tentativa de Vicente García de Mateos para subir uma posição. Feitas as contas Brandão, quarto no contrarrelógio, manteve o segundo lugar com vantagem de 11 segundos sobre o espanhol terceiro classificado que, ainda assim foi o mais rápido, no exigente exercício de luta contra o cronómetro com a marca de 25 minutos e 17 segundos nos pouco mais de 17 quilómetros.

Joni Brandão

João Rodrigues (W52-FC Porto) fez o segundo melhor registo a 21 segundos. Na geral Mateos repete o terceiro lugar de 2017 e a vitória na classificação dos pontos, vestindo a Camisola Verde Rubis Gás. Xuban Errazkin (Vito-Feirense-BlackJack) confirmou a vitória na classificação da juventude, Camisola Branca RTP.

Em aberto estava a luta coletiva, com dois segundos a separar o Sporting-Tavira e a W52-FC Porto. Nesta sempre particular rivalidade foram os azuis e brancos que acabaram a celebrar com 1 minuto e 54 segundos de vantagem o que levou a multidão onde mais se faziam notar os adeptos portistas a aplaudir de forma entusiasta a equipa com a presença do próprio presidente Pinto da Costa.

w52-Porto vencedor colectivo

Fafe viveu este domingo uma tarde intensa de ciclismo brindando a 80ª Volta a Portugal Santander com o último dos muitos banhos de multidão que acompanharam a prova.

No pódio Rui Vinhas muito aplaudido recebeu o troféu “Espírito de Sacrifício” entregue pelo Exército Português para destacar a valentia do corredor que, apesar de vítima de queda violenta, continuou em prova até ao fim.

Setembro é mês de Subida à Glória e Volta a Portugal do Futuro

Terminada “A Portuguesa” a Podium Events pensa já nas organizações do mês de Setembro. A primeira é a 26ª Volta a Portugal do Futuro em Bicicleta Liberty Seguros. A revelar novos campeões desde 1992, a competição é a mais carismática da categoria sub23 e decorre entre 5 e 9 de Setembro.

De Águeda, Capital da Bicicleta, ao Festival Bike em Santarém onde vai terminar a prova serão percorridos 613 quilómetros divididos por seis etapas. A competição ganha o ano passado por José Neves Fernandes com a camisola da Liberty Seguros-Carglass será uma das mais completas dos últimos anos.

Originalidade em 2016

No dia 22 de Setembro realiza-se a sempre vibrante Subida à Glória Jogos Santa Casa, a corrida de bicicleta mais pequena do mundo! A prova realiza-se na íngreme Calçada da Glória que liga a Praça dos Restauradores ao Jardim de São Pedro de Alcântara no muito movimentado lisboeta Bairro Alto.

A Subida à Glória Jogos Santa Casa recupera uma tradição antiga da capital e traz para a noite lisboeta as bicicletas cada vez mais presentes na vida dos portugueses e dos alfacinhas. As inscrições já estão abertas em www.subidagloria.com. Podem participar homens e mulheres com idade igual ou superior a 16 anos.

Texto: Gabinete de Imprensa Podium
Fotos: Paulo Maria

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta