distanciamento

O sector português das bicicletas, teve um grande ano em 2019, quando foi o campeão europeu no fabrico de bicicletas, passando a Itália que era a primeira.

O ano de 2020 apesar da pandemia, do Covid-19 que afetou o mundo, não excluindo Portugal, permitiu apesar tudo um crescimento das exportações em 5%.

A bicicleta é o elemento básico e indispensável para praticar ciclismo, cicloturismo, um simples passeio ou um meio de deslocação.

Visualize também

Bicicletas, qual é o país da UE que mais produz?

Mobilidade Eléctrica Para Todos exige-se

Texto: Henrique Dias

bicicletas

Bicicletas portuguesas dão a volta ao covid-19

Portugal encontra-se em destaque no mundo, porque :

A RTE, em Gaia é a maior fábrica de bicicletas da Europa, com uma produção anual de 1.3 milhões de novas bicicletas;

Rodi, em Aveiro, a maior produtora europeia de rodas para bicicletas, voltou a ser distinguida com o prémio Líder. Uma distinção que recebe consecutivamente há quase duas décadas;

Triangle’s, em Águeda, uma empresa equipada com tecnologia inovadora orientada para a transformação de alumínio, e onde se destaca o processo de soldadura completamente robotizado.

A Triangle’s é a primeira fábrica do mundo a produzir quadros de bicicleta em alumínio de forma robotizada.

E para terminar a Gelu, em Vila Franca de Xira, uma empresa que se orgulha hoje em dizer, que graças ao trabalho de uma equipa de excelentes profissionais, conseguiram criar algo inédito e mundialmente reconhecido: uns dos selins mais confortáveis e no mesmo tempo os mais leves do mundo!

Bicicletas

Portugal é o principal produtor da União Europeia

Concluindo que Portugal produziu 2,7 milhões de novas bicicletas em 2019, cujas exportações nacionais proporcionaram 402 milhões de euros.

Sendo que Portugal é o principal produtor da União Europeia, tendo quase um quarto de toda a produção dos 27 estados membros que constituem a União Europeia

Parceiros

Deixe uma resposta