BRUNA GONÇALVES DESTACOU-SE EM ESPANHA

Bruna Gonçalves

Bruna Gonçalves - Foto: UVP – Federação Portuguesa de Ciclismo

Bruna Gonçalves destacou-se com o 19.º lugar, o melhor resultado entre as oito representantes lusas no Gran Premio Cidade de Pontevedra.

A Seleção Nacional Feminina competiu este domingo no Gran Premio Cidade de Pontevedra, terceira prova pontuável da Taça de Espanha Feminina, nas categorias de cadetes e juniores.

Portugal contou com cinco representantes na prova de juniores, que correram com as masters uma tirada de 65,4 quilómetros, marcada pela subida ao Alto de Portliña, a 11 quilómetros da meta.

Fonte: UVP – Federação Portuguesa de Ciclismo

Bruna Gonçalves 19.ª na Taça de Espanha

Bruna Gonçalves, 19.ª, foi a mais bem classificada, tendo chegado com o mesmo tempo da melhor júnior em prova, 1h49m42s, e a 1m06s da master 40 que cruzou a meta isolada.

Também integradas no pelotão de juniores femininas, com o mesmo tempo, chegaram Daniela Simão, 41.ª classificada, e Emília Baía, 48.ª.

Raquel Dias, que foi afetada por um furo, chegou em 61.ª, a 1m53 da melhor júnior e a 2m59 da vencedora.

Maria Constança Marques sofreu uma queda na fase inicial da corrida e, depois de ter trocado de bicicleta por duas vezes e tentado reintegrar o pelotão, foi forçada a abandonar a prova.

A Maria Constança Marques caiu logo no início. Ainda terminou a primeira volta, mas teve de abandonar.

A Raquel Dais furou, mas mudámos a roda, alcançou o grupo e aguentou até perto do final, tendo chegado ligeiramente descolada.

As restantes três atletas entraram no pelotão principal e chegaram no grupo da cabeça da corrida. Estiveram muito bem na subida.

A Bruna Gonçalves foi uma boa surpresa e as restantes mantiveram o bom rendimento habitual”, explicou o selecionador nacional.

Bruna Gonçalves
Bruna Gonçalves – Foto: UVP – Federação Portuguesa de Ciclismo

Carolina Namora foi a melhor das cadetes lusas presentes na prova

Na prova de cadetes, um percurso de 44,2 quilómetros, também marcado pela subida ao Alto de Porteliña, Carolina Namora foi a melhor das representantes da Seleção Nacional, tendo chegado em 50.ª, a 1m15s.

Jéssica Oliveira chegou pouco depois, em 53.ª, a 2m35s, e Bruna Carmo foi 63.ª, a 3m12s.

Houve muitas quedas na corrida de cadetes, mas tivemos sorte e escapámos.

As nossas atletas rolaram com o pelotão e terminaram próximas.

Foi a primeira experiência de algumas delas na seleção.

Mas estiveram bem posicionadas na corrida, enfrentaram bem a montanha e chegaram bem”, analisou José Luís Algarra, que fez um balanço positivo da participação lusa.

Nota também para as duas jovens ciclistas portuguesas que foram a prova pelo Maiatos.

Maria Coimbra foi 15.ª entre as cadetes, a 39 segundos, e Lara Ribeiro foi 57.ª entre as juniores e masters, a 15 segundos da melhor júnior e 1m21s da master que venceu a prova.

Finalmente, na corrida de elite e sub-23, também participaram várias portuguesas, com destaque para Ana Caramelo (Matos Mobility), 10.ª classificada a três segundos do melhor tempo.

Parceiros

Deixe um comentário