Carlos Nascimento afastado na primeira ronda

Carlos Nascimento

Carlos Nascimento

Longa a jornada vespertina de apuramento dos 100 metros masculinos com Carlos Nascimento em ação.

Leia também sobre o primeiro e segundo dia do atletismo nos Jogos Olímpicos

Patrícia Mamona e Auriol Dongmo apuradas para as finais

Liliana Cá na final do disco, Irina Rodrigues ficou fora

Texto: Federação Portuguesa de Atletismo

Carlos Nascimento “…não foi o resultado que eu esperava”

Sete eliminatórias para os três primeiros de cada uma e os três melhores tempos da geral obterem o apuramento as meias finais.

Carlos Nascimento foi colocado na terceira eliminatória.

O atleta do Sporting Clube de Portugal partiu muito bem, tal como tinha feito na época de inverno, quando chegou à final dos 60 metros dos Europeus de pista coberta, mas não conseguiu melhor que o sétimo lugar na sua série, em 10,37 segundos (vento: +0,1 m/s).

O seu terceiro melhor registo da época. Chegou aos Jogos no 80º. lugar do World Ranking terminou na 45ª posição.

Carlos Nascimento

Para o velocista português, este “resultado foi positivo, atendendo à época atribulada que vivi, com lesões após a pista coberta.

Contudo, participar nos Jogos foi sempre o meu objetivo e estou satisfeito por o ter cumprido.

Infelizmente não foi o resultado que eu esperava.

Numa prova tão rápida há sempre pormenores que fazem toda a diferença. Saio daqui mais forte, mais experiente e a pensar em fazer melhor já em Paris 2024”.

O terceiro dia de atletismo nos Jogos Olímpicos (amanhã) inclui as eliminatórias dos 400 metros masculinos (com Ricardo Nascimento logo na primeira, às 2h45) e duas finais com atletas portuguesas: o peso, com Auriol Dongmo, a partir das 2h35; o triplo, com Patrícia Mamona, ao final da manhã 12h15.

Parceiros

Deixe uma resposta