Ekström vence etapa nos automóveis, Sunderland recupera liderança nas motas

Ekström

Mathias Ekström

O sueco Mathias Ekström (Audi) venceu hoje a oitava etapa dos automóveis do rali Dakar de todo-o-terreno, entre Al Dawadimi e Wadi ad Dawasir, na Arábia Saudita, conquistando o primeiro sucesso na prova.

Texto: AGYR // NFO – Lusa 

Site oficial do evento.

Ekström
Mathias Ekström

Ekström vence etapa nos automóveis e Loeb ganha tempo ao líder

O piloto do elétrico e-tron gastou 3:43.21 horas para cumprir os 395 quilómetros cronometrados, batendo o companheiro de equipa, o francês Stéphane Peterhansel (Audi), por 49 segundos, com o também francês Sébastien Loeb (BRX) em terceiro, a 3.08 minutos.

Com este resultado, Loeb recuperou cerca de sete minutos face ao líder da classificação geral, o catari Nasser Al-Attiyah (Toyota), que hoje foi 10.º classificado.

Al-Attiyah manteve o comando da prova, agora com 37.58 minutos de vantagem sobre Loeb e 53.13 sobre o saudita Yazeed al-Rajhi (Toyota).

Sam Sunderland

Sam Sunderland ganha oitava etapa e recupera liderança

O piloto britânico Sam Sunderland (GasGas) venceu hoje a oitava etapa das motas no rali Dakar de todo-o-terreno e recuperou a liderança da competição, perdida na véspera.

Sunderland concluiu os 395 quilómetros cronometrados entre Al Dawadimi e Wadi ad Dawasir, na Arábia Saudita, em 3:48.02 horas, deixando na segunda posição o chileno Pablo Quintanilla (KTM), a 2.53 minutos, com o austríaco Mathias Walkner (KTM) a ser terceiro, a 4.11.

O português Joaquim Rodrigues Jr. (Hero) ocupa, provisoriamente, a oitava posição na etapa, a 9.58 minutos do vencedor, enquanto Rui Gonçalves (Sherco) foi 14.º e António Maio (Yamaha) 22.º.

Na geral, Sunderland recuperou o comando da classificação das motas, perdido na véspera, até porque o anterior líder, o francês Adrien van Beveren (Yamaha), teve de abrir a pista e foi apenas nono, a 10.21 minutos.

Sunderland lidera, com o tempo de 27:38.42 horas, tendo, agora, 3.45 minutos de vantagem sobre Mathias Walkner e 4.43 sobre Van Beveren.

Joaquim Rodrigues Jr.

A prestação portuguesa

Joaquim Rodrigues Jr. ocupa, provisoriamente, a 15.ª posição, enquanto António Maio é 25.º e Rui Gonçalves 27.º.

Leia também sobre o evento

António Maio foi o melhor luso no Dakar em dia difícil

Dakar2022: Portugueses em bom plano na segunda etapa

Joaquim Rodrigues Jr. entrou para a história no rali Dakar

Nasser Al-Attiyah ganha a quarta etapa nos automóveis

Toby vence quinta etapa nas motas, Maio o melhor português

Henk Lategan vence pela primeira vez nos carros

Petrucci vence quinta etapa após penalização a Price

António Maio apesar de queda foi o melhor português

Motas, sexta etapa neutralizada ao km 101 do Dakar

Joaquim Rodrigues Jr. temeu pela vida antes da neutralização

Cornejo vence sétima etapa que trouxe novo líder nas motas

Parceiros

Deixe uma resposta