Europeu júnior de surf foge a Portugal nas finalíssimas

Santa Cruz

A manhã esperava- se tensa no Europeu júnior de surf com a seleção nacional em vantagem perante os seus dois adversários mais diretos – França e Espanha, mas nem tudo correu como era desejo da equipa, dos seus atletas.

Portugal maninha-se unido e focado com o objetivo de revalidar o título europeu de surf, mas …

Europeu Junior Surf

António Dantas sagrou-se campeão europeu de Longboard Sub 18

Depois de um tempo de espera de duas horas, não previsto no alinhamento do Europeu júnior de surf, as finalíssimas começaram com uma grande vitória para a seleção nacional após António Dantas sagrar-se campeão europeu de Longboard sub-18.

Sub 14 – Surf um no pódio e outro à porta do Europeu júnior de surf

João Mendonça e Martim Nunes, os dois atletas de surf sub14, competiram no mesmo heat das finais acabando por alcançar o terceiro e quarto lugar do pódio sub-14.

Mesma sorte par os Sub 18 que a dos Sub 16 – Surf

A má sorte nos resultados atingiu também os dois atletas de surf sub-16 Guilherme Ribeiro e Afonso Antunes, que obtiveram também eles o terceiro e quarto lugar no seu heat. Mafalda Lopes a única surfista feminina ainda em competição, sagrou-se vice-campeã europeia sub-18 e reavivou a esperança para a equipa lusa.

Bodybard sub-18 não alcançam o pódio e não alcançam o sonho europeu junior

David Vedor e Miguel Ferreira, os dois atletas de bodybard sub-18 na final, lutaram até ao fim mas os adversários levaram mais uma vez os primeiros lugares na bateria e acabaram com o sonho europeu.

“Foi um campeonato muito bem disputado” João Aranha

Foi um campeonato muito bem disputado, Portugal esteve em primeiro lugar em todos os dias da competição.
Acabamos com dois campeões europeus, longboard e bodyboard e uma vice-campeã europeia”, conclui João Aranha, presidente da Federação Portuguesa de Surf.

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Fotos: Tiago Segurado / Santa Cruz Ocean Spirit

Parceiros

Deixe uma resposta