HC Vardar, FC Porto prepara receção aos macedónios

HC Vardar

Equipa portista motivada para o regresso da principal prova europeia de clubes ao Dragão Arena, frente ao HC Vardar.

Magnus Andersson é a voz da confiança do FC Porto, que se prepara para voltar a competir na EHF Champions League, com a receção ao HC Vardar.

Texto: Federação Portuguesa de Andebol

FC Porto prepara receção aos macedónios do HC Vardar

O treinador azul e branco realça a dificuldade inerente à partida, referente à 9ª jornada da Fase de Grupos da prova europeia mas acredita que os Dragões têm capacidade para conquistar o triunfo, que foge há duas rondas consecutivas.

Cada jogo na Liga dos Campeões é duro.

Se não fizermos uma boa exibição perdemos e por isso temos de regressar às competições num nível alto.

Acho que é sempre muito importante estar bem na defesa, trabalhar junto com o guarda-redes para conseguirmos desfazer os ataques.

Acho mesmo que temos boas hipóteses de vencer o jogo.

Na primeira volta foi duro, eles são uma boa equipa e têm muita experiência.

Têm alguns jogadores que também representam as seleções nacionais, podem por aí estar um bocado mais frescos, mas acho que até pode ser positivo para nós termos tido tantos jogadores fora, porque continuaram a jogar ao mais alto nível e talvez os que aqui ficaram é que precisem de mais algum tempo para voltar à rotina.

Por vezes perde-se mais quando não há competição e se fica apenas a treinar. Vamos ver!” – afirmou.

Depois da paragem para a realização do Campeonato do Mundo no Egito, e no qual Portugal alcançou um histórico 10º lugar, com 11 atletas do FC Porto integrados na comitiva nacional, a equipa portuguesa voltou a juntar-se para preparar o jogo com os macedónios e o treinador sueco dos Dragões realçou o longo período sem competir e também a prestação dos atletas portistas ao serviço de Portugal.

HC Vardar

“Estar no Mundial de andebol é ótimo para o andebol português”

Estou realmente muito orgulhoso dos meus jogadores e eles próprios também devem estar orgulhosos daquilo que fizeram no Egipto.

No final o resultado não foi o que eles esperavam, mas eles jogaram muito bem.

Perderam contra a França, que tem uma grande equipa, por isso acho que devem estar todos orgulhosos.

Estar no Mundial de andebol é ótimo para o andebol português, é ótimo para o FC Porto, mas por outro lado fiquei um bocado nervoso porque tive muitos jogadores fora.

Perdemos um mês de trabalho e agora eles têm de deixar para trás a seleção nacional e focarem-se nos jogos do FC Porto.

Não estou preocupado com esta semana ou com o próximo mês, acho que o cansaço chegará mais tarde.

Ainda para mais, neste ano que tem sido uma loucura, com a pandemia e com todos os jogos.” – referiu.

O jogo europeu contra o HC Vardar dá início a uma série de oito jogos que o FC Porto terá pela frente, algo que acaba por deixar Magnus Andersson reticente.

Começamos esta série de jogos importantes esta quinta-feira, frente ao HC Vardar.

Um jogo que vai ser difícil e importante, depois jogamos no fim de semana e na outra semana viajamos na terça para a Polónia, e continua.

Vai ser de loucos, mas só temos de gostar e fazer o nosso melhor.

O FC Porto, atual 5º classificado, prepara-se para disputar o nono jogo na Fase de Grupos da EHF Champions League enquanto que o HC Vardar apenas disputou cinco e está na última posição.

O encontro está agendado para as 19h45 de hoje e contará com transmissão em direto no Porto Canal.

Gauleses

Futebol Clube do Porto na 8ª Jornada, da EHF Champions League defrontou os gauleses do Paris Saint – Germain Handball.

Grupo A

9ª Jornada

04.02.2021 – 19h45 – FC Porto : HC Vardar 1961

Classificação

  1. Lomza Vive Kielce – 13 pts
  2. SG Flensburg-Handewitt – 13 pts
  3. HC Meshkov Brest – 9 pts
  4. Paris Saint-Germain Handball – 6 pts
  5. FC Porto – 6 pts
  6. MOL-Pick Szeged – 4 pts
  7. Elverum Handball – 4 pts
  8. HC Vardar 1961 – 3 pts

Parceiros

Deixe uma resposta