Henk Lategan vence pela primeira vez nos carros

Henk Lategan

O sul-africano Henk Lategan (Toyota) venceu esta quinta-feira a quinta etapa em automóveis da 44.ª edição do rali Dakar de todo-o-terreno, que se disputa até ao dia 14 na Arábia Saudita.

Leia também sobre o evento

António Maio foi o melhor luso no Dakar em dia difícil

Dakar2022: Portugueses em bom plano na segunda etapa

Joaquim Rodrigues Jr. entrou para a história no rali Dakar

Nasser Al-Attiyah ganha a quarta etapa nos automóveis

Toby vence quinta etapa nas motas, Maio o melhor português

Texto: AGYR // NFO – Lusa / Henrique Dias // OPraticante.pt

Site oficial do evento.

Henk Lategan conquistou a primeira vitória da sua carreira no Dakar 2022

Henk Lategan conquistou a primeira vitória da sua carreira na prova, ao gastar 3:53.28 horas para cumprir os 404 quilómetros cronometrados em redor de Riade, percorridos apenas pelos automóveis, pois, pela primeira vez, o percurso foi diferente para motas e carros (amanhã, sexta-feira, inverte-se a ordem).

Henk Lategan, um dos pilotos com mais azar dos participantes do Dakar, relembrar que no ano passado um acidente, o fez abandonar precocemente a prova.

Este ano já com várias situações complicadas que viveu nas primeiras etapas, concluiu uma etapa sem problemas de maior, não fosse a sua porta teimar em ficar aberta ao longo de todo o percurso

Henk Lategan
Henk Lategan

O francês Sébastien Loeb (BRX) foi o segundo classificado, a 1.58 minutos de Lategan, e aproximou-se da liderança da prova, com o argentino Luciano Alvarez (Toyota) a fechar os lugares do pódio, a 2.10 minutos.

O qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota), que abriu hoje a pista, foi apenas oitavo classificado e perdeu quase três minutos para Loeb na luta pela vitória.

O dia também não correu bem ao espanhol Carlos Sainz (Audi), que viu a suspensão traseira do seu e-Tron elétrico ceder, perdendo mais de uma hora, antes de retomar a marcha depois de o companheiro de equipa, o francês Stéphane Peterhansel (Audi), ter parado em pista para lhe ceder as peças necessárias.

Al-Attiyah mantém a liderança da prova, agora com 35.10 minutos de vantagem sobre Sébastien Loeb, que é segundo, e 51.15 sobre Alvarez, o terceiro.

Parceiros

Deixe uma resposta