João Almeida supera Montanha e continua de Rosa

João Almeida

Dez são os dias que João Almeida da Deceuninck-Quick Step, continua a vestir a camisola rosa.

João Almeida
João Almeida

João Almeida dez dias de Rosa no Giro de Itália

Cesenatico foi o local de partida e chegada da 12ª etapa que contou um percurso no total de 204 km e cinco contagens de montanha, sendo três de terceira e duas de quarta categoria.

Uma etapa marcada pelo frio e chuva, com o português João Almeida sempre inserido no grupo de favoritos.

Ruben Guerreiro da Education First, foi um aliado do seu compatriota, dando-lhe roda na derradeira subida categorizada.

Na descida João Almeida assumiu comando de um grpo reduzido de favoritos à vitória no Giro de Itália, sendo o restante percurso efectuado sem sobressaltos.

Ihonatan Narvarez

Ihonatan Narvarez vence a etapa

O vencedor da etapa foi Ihonatan Narvarez (Ineos) que chegou isolado â meta com 5h31m24s.

O segundo lugar a ser conquistado pelo ucraniano Mark Padun (Bahrain – Mclaren) a 1m08s e o australiano Simon Clarke (education First) em terceiro a 6m50s.

Decorreram mais de oito minutos até o grupo de favoritos chegar, onde João Almeida se integrava.

Ruben Guerreito esteve em destaque ao terminar entre os melhores.

João Almeida continua a liderar nas camisolas Rosa e Branca, e Ruben Guerreiro mantêm a camisola Azul do Giro de Itália.

Ruben Guerreiro

Sou uma pessoa calma, sem stress, mesmo que tenha os meus dias.

Sou calmo.

É uma motivação extra ter os meus pais, sentir um pouco de casa aqui, mesmo que me sinta muito bem com a equipa.

Ficam até domingo, é um reforço“, contou aos jornalistas

Quando lhe perguntaram sobre o contrarrelógio de sábado, no qual o português poderá voltar a marcar a diferença, e aumentar a vantagem para os seus adversários, à semelhança do contrarrelógio inicial, confirmou que esse se adequa às suas características.

Mas ainda há etapa na sexta-feira“, na qual tem de defender a liderança.

A 13.ª etapa, disputa-se amanhã, sexta feira e vai ligar Cervia a Monselice, num total de 192 quilómetros, uma etapa maioritariamente plana, mas com duas contagens de montanha de quarta categoria nos últimos 40 quilómetros.

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Texto: Henrique Dias – OPraticante.pt

Parceiros