JULIUS JOHANSEN VENCE OS SPRINTS ESPECIAIS

Julius Johansen

Julius Johansen - Foto: Sabgal / Anicolor

Julius Johansen, a mais recente contratação da Equipa Profissional de Ciclismo Sabgal / Anicolor, venceu ontem a classificação dos Sprints Especiais no XXV Gran Premio Miguel Induráin.

Umacorrida espanhola de renome, subindo ao pódio que foi partilhado com alguns dos melhores corredores do mundo.

O dinamarquês conseguiu entrar na fuga do dia, após o excelente trabalho realizado por toda a estrutura, que assinalou neste sábado a sua quarta participação internacional da época, terceira em Espanha.

Julius Johansen é o vencedor dos Sprints Especiais no XXV Gran Premio Miguel Induráin

Foram 198,1 km de um percurso duro e exigente, que teve partida e chegada a Estella – Lizarra, em Navarra, no País Vasco, onde houve um constante sobe e desce.

Estava difícil sair a fuga e mais difícil seria entrar nela.

Mas Julius Johansen conseguiu esse feito, ao ser um dos aventureiros que integrou o grupo de sete corredores que fugiu, sensivelmente 30 km depois da partida.

Uma escapada que durou até 40 km da meta, onde o estadunidense Brandon McNulty (UAE Team Emirates) venceu ao sprint.

Foi uma corrida muito dura, sabíamos desde o início que ia ser assim.

Tivemos de trabalhar muito para conseguir entrar na fuga e eu tive a sorte de conseguir e fazer um bom trabalho.

Consegui ganhar os Sprints Especiais, o que foi muito bom para a equipa.

Senti-me bem e acho que temos de estar muito orgulhosos de todo o trabalho que fizemos hoje juntos nesta corrida”, disse Julius Johansen.

Julius Johansen
Foto: Sabgal / Anicolor

“hoje foi um bom dia para a equipa”

Para Rúben Pereira, diretor desportivo da Sabgal / Anicolor, “hoje foi um bom dia para a equipa, acho que fizemos um grande trabalho. Julius Johansen foi incrível!

Esteve na fuga do dia, uma fuga bastante difícil de se dar e que foi tirada a ferros, mas Julius conseguiu entrar nessa fuga e acabou por vencer os Sprints Especiais, o que é muito gratificante.

Estar no pódio de uma corrida como é o Gran Premio Miguel Induráin para nós é muito importante.

Estarmos presentes já é muito importante e estar no pódio ainda mais importante é, numa corrida deste nível.

O resto da equipa também esteve bem, temos alguns corredores um pouco mais débeis fisicamente, ainda a recuperar de lesões e de problemas de saúde, mas de forma geral a equipa esteve bastante bem.

Foi uma equipa bastante jovem que esteve aqui presente hoje, mas acho que estiveram ao nível e correspondeu e acho que daqui para a frente as coisas podem-nos correr muito bem”.

Parceiros

Deixe um comentário