KRIS MEEKE DOMINA E INICIA ÉPOCA COM O PÉ DIREITO

Kris Meeke

Kris Meeke / James Fulton - Foto: Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto

A dupla Kris Meeke / James Fulton (Hyundai i20 N Rally2) venceu, de forma categórica, o Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto, superiorizando-se a Armindo Araújo e Luís Ramalho (Skoda Fabia RS Rally2) por uma margem de 1m08.9s.

Leia também

KRIS MEEKE GANHA TERRENO E CONFIRMA FAVORITISMO EM FAFE

Site oficial

Fonte: Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto

Kris Meeke um líder único ao longo dos dois dias

A primeira prova do Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) teve um líder único ao longo dos dois dias, que venceu nada menos que 9 das 11 classificativas do evento organizado pelo Demoporto – Clube de Desportos Motorizados do Porto.

O boliviano Marco Bulacia (Citroen C3 Rally2) foi, durante uma boa parte do rali, o adversário mais direto de Meeke, mas ao longo da segunda etapa, este sábado, Armindo Araújo encurtou distâncias até superar o sul-americano que veio a Fafe preparar a sua participação no Vodafone Rali de Portugal.

Armindo Araújo / Luís Ramalho – Foto: Facebook do piloto

Armindo Araújo esteve bem mais rápido que os restantes adversários dos CPR, entre os quais se destacou o açoriano Rúben Rodrigues (Skoda Fabia RS Rally2), cujo brilhantismo lhe permitiu terminar no terceiro lugar do pódio desse campeonato.

José Pedro Fontes (Citroen C3 Rally2) ainda acalentou esperanças relativas à hipótese de ascender ao terceiro lugar, mas num tipo de piso que não é o seu predileto restou-lhe amealhar um interessante quarto lugar, na frente de Pedro Meireles (Hyundai i20 N Rally2).

O campeão em título Ricardo Teodósio (Hyundai i20 N Rally2) esteve longe dos seus melhores dias, evidenciando falta de confiança, daí o sexto lugar final (CPR).

Paulo Neto (Skoda Fabia Rally2 evo), Lucas Simões (Ford Fiesta R5), Ernesto Cunha (Skoda Fabia Rally2 evo) e Ricardo Filipe (Skoda Fabia R5) completaram o “top ten”.

Gonçalo Henriques – Foto: Facebook do piloto

Gonçalo Henriques não deixou créditos por mãos alheias

No campeonato 2RM (duas rodas motrizes), Gonçalo Henriques (Renault Clio Rally4) não deixou créditos por mãos alheias, exercendo um acentuado domínio, enquanto a segunda posição foi discutida até aos últimos quilómetros e acabou nas mãos de Kevin Saraiva (Peugeot 208 Rally4), face a Pedro Silva (Peugeot 208 Rally4).

Guilherme Meireles (Peugeot 208 Rally4) e Jorge Carvalho (Renault Clio Rally4) fecharam o “top 5”.

Gonçalo Henriques assegurou também a vitória na categoria Júnior.

Na prova do Campeonato Promo, a dupla Adruzilo Lopes / Paulo Leones (Skoda Fabia N5) sagrou-se vencedora com uma diferença confortável face a Miguel Carvalho e António Reis, no Hyundai i20 N5, enquanto no troféu monomarca Toyota Gazoo Raing Iberian Cup o jovem boliviano Bruno Bulacia bateu o espanhol Josep Bassas por 34.5 segundos.

Foto: Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto

Classificação final CPR (oficiosa)

1º Kris Meeke/James Fulton (Hyundai i20 N Rally2), 1h17m39.0s

2º Armindo Araújo/Luís Ramalho (Skoda Fabia RS Rally2), a 1m08.9s

3º Marco Bulacia/Diego Vallejo (Citroen C3 Rally2), a 1.39.3

CPR – 2RM

1º Gonçalo Henriques/Gonçalo Cunha (Renault Clio Rally4), 1.31.33.4

2º Kevin Saraiva/Beatriz Pinto (Peugeot 208 Rally4), a 3.16.2

3º Pedro Silva/Roberto Santos (Peugeot 208 Rally4), a 3.21.7

Parceiros

Deixe um comentário