Orientação de Precisão Portuguesa ruma à Lituânia

Susana Pontes, Edgar Domingues lnês Domingues e Ricardo Pinto no WTOC 2015

Entre os próximos dias 10 e 15 de julho de 2017, Portugal participa no Campeonato do Mundo de Orientação de Precisão – World Trail Orienteering Champioships 2017, que terá lugar em Birstonas, na Lituânia.

Jorge Baltazar, João Pedro Valente, Inês Domingues e Edgar Domingues no WTOC 2016

A comitiva portuguesa que partiu hoje em direção àquela cidade lituana é composta por seis atletas: Inês Domingues, Edgar Domingues, João Pedro Valente, Luís Gonçalves e Nuno Pires, na Classe Aberta, e Ricardo Pinto, na Classe Paralímpica.

Ricardo Pinto “Ficar nos primeiros 15 lugares”

Ricardo Pinto, atleta do DAHP – Desporto Adaptado do Hospital da Prelada, representa, uma vez mais, a seleção nacional nos Campeonatos da Europa e do Mundo de Orientação de Precisão.

Ricardo Pinto e a equipa do Hospital da Prelada

Ricardo Pinto ambiciona “ficar nos primeiros 15 lugares”. No entanto sabe que “não será uma tarefa fácil”, pois isso significa acertar corretamente em todas as questões e “o fator tempo será decisivo”.

Para o atleta paralímpico português, a prática desta modalidade é importante. “Permite-me aumentar a qualidade de vida, partilhar esta experiência, conviver com outros atletas e acima de tudo viver!”.

A Orientação de Precisão é uma modalidade na qual o atleta possui um mapa de orientação, com diversos pontos decisivos ao longo do percurso que vai fazendo.

Nestes pontos são tomadas decisões que posteriormente se refletem na performance do atleta.

Ricardo Pinto em competição

Ricardo Pinto destaca o facto do “esforço mental [ser] muito maior do que o esforço físico neste tipo de modalidade”.

A Misericórdia do Porto iniciou a promoção do desporto adaptado em 2009, através do serviço de Medicina Física e Reabilitação do Hospital da Prelada.

Nesse mesmo ano nasceu o DAHP, pioneiro no relançamento da modalidade de Orientação de Precisão em Portugal.

Campeonato do Mundo de Orientação de Precisão

No Campeonato do Mundo de Orientação de Precisão disputam-se os três tipos de competições desta disciplina.

No dia 11 de julho realizam-se a qualificatória e a final de TempO, na qual em 2015 Portugal alcançou um 6º e um 7º lugar, no Campeonato do Mundo que se realizou na Croácia.

Luís Gonçalves 6º TempO, Inês Domingues 7º TempO e Edgar Domingues 32º lugar no WTOC 2015

Nos dias 13 e 15 de julho realizam-se as duas etapas de PreO, na qual, no ano de 2016, na Suécia, os atletas portugueses alcançaram um 11º lugar.

Por último, no dia 14 de julho, realiza-se a prova de Estafetas, na qual Portugal é atual vice-campeão mundial, em resultado do segundo lugar obtido no ano passado.

Pré-competição na Letónia

No plano de atividades da seleção portuguesa está ainda incluída a participação, nos dias 8 e 9 de julho, numa etapa da Taça da Europa não oficial que terá lugar na cidade de Daugavpills, na Letónia.

Susana Pontes, Edgar Domingues lnês Domingues e Ricardo Pinto no WTOC 2015

Disciplina Jovem – Portugal medalhado

Apesar de recente a Orientação de Precisão, a mais recente disciplina de Orientação, sofreu uma grande evolução do longo dos últimos anos, tendo a sua história no nosso país começado a escrever-se, a nível internacional, no ano de 2012, com a primeira participação num Campeonato do Mundo, realizado na Escócia.

Após a realização do Campeonato da Europa no nosso país, no ano de 2014, a progressão dos nossos técnicos e atletas tornou-se num objetivo a longo prazo, o que culminou no melhor resultado de sempre numa Estafeta, um 2º lugar num Campeonato do Mundo.

Esperamos que este ano os resultados possam ser ainda melhores.

Força Portugal!

Parceiros

Deixe uma resposta