Patinagem de Velocidade com regresso emotivo

Patinagem de Velocidade

O Campeonato Nacional de Pista de Patinagem de Velocidade, que se realizou este fim-de-semana em Lagos, contou com a participação de treze Clubes.

Entre os quais o Académico Futebol Clube da Associação de Patinagem do Porto, que participou pela primeira vez competições nacionais na Patinagem de Velocidade.

Patinagem
Diogo Marreiros – Foto de arquivo

O atleta que mudou das rodas para as lâminas

Diogo Marreiros – Vice-Campeão Europeu por Portugal, do Roller Lagos, está numa forma fantástica.

Venceu os 200 mts C/R, batendo o especialista da distância Ricardo Esteves (Arsenal de Canelas) e a prova de fundo 10Km Eliminar.

Falando de Diogo Marreiros, é falar de um atleta que persegue o sonho olímpico.

Que mudou de país, que mudou dos patins de rodas, para os patins de lâminas, com o objetivo de ser o primeiro atleta nascido em Portugal a competir nos Jogos de Inverno.

Foi uma aposta de Diogo, ele que é um atleta que se esforça, trabalha para a todo o momento se superar, ambicioso por mais, não se contentando pelo que já obteve.

Patinagem de Velocidade
Diogo Marreiros – Patinagem de Velocidade

Ele que sobre as rodas, se sagrou a nivel internacional e nacional:

Vice-Campeão do Mundo em 2018 e Vice-Campeão Europeu em 2019;
Várias vitórias nas Taças da Europa;
Para além de em território nacional ter conquistado mais de 120 medalhas.

Foi o primeiro português a conseguir uma medalha no Campeonato de Mundo de Seniores, aconteceu em 2016 na China, conquistando uma medalha de bronze.

“Confessou que pensou ser a mudança mais fácil”

Confessou que pensou ser a mudança mais fácil.

Pensou que sendo a mesma modalidade e só a mudança de rodas para lâminas tivesse uma adaptação melhor.

Mas é como se tivesse iniciado um desporto diferente.

Em virtude de Portugal não dispor de infrasestruturas, têm-se treinado na Holanda, com muitos apoios que tem granjeado inclusive através de uma campanha de crowdfounding.

A Federação de Desportos de Inverno de Portugal teve de alterar os seus estatutos para integrar a patinagem artística e a patinagem de velocidade no gelo, aguardando-se a aprovação das entidades competentes.

Diogo espera, deseja que as entidades portuguesas sejam céleres na aprovação dos estatutos.

Porque ele tem preparado-se, tem evoluído com pensamento positivo para que tudo corra pelo melhor.

O facto de poder vir a ser o primeiro português a poder estar nos Jogos Olimpicos de Inverno na patinagem de velocidade no gelo, também lhe dá outra motivação, e confiança.

Concluído o Campeonato parte para a Holanda para continuar a evoluir

Campeonato Nacional de Pista de Patinagem de Velocidade

Na prova de 500 mts Sprint, Martyn Dias, atleta internacional do Roller Lagos, após um longo tempo afastado das competições, chegou e venceu, seguido do colega de equipa Diogo Marreiros.

No 10Km Pontos/Eliminar, o Roller Lagos conseguiu o pleno, colocando a equipa toda no pódio.

Primeiro Miguel Bravo, seguido de Diogo Marreiros, ficando o bronze para Dylan Scrivens.

Marco Lira, Campeão Europeu por Portugal, confirmou o seu excelente momento de forma vencendo todas provas de fundo.

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Texto: Henrique Dias – OPraticante.pt
Fotos: Federação Portuguesa de Patinagem

Parceiros

Deixe uma resposta