Privacy Policy Page
Privacy Policy Page
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Praga, Antoine Launay termina Europeu sem medalha

Em Praga, o canoísta da Seleção Nacional Antoine Launay foi um dos 15 finalistas do Campeonato da Europa de Slalom

Antoine Launay terminou no 12.º lugar o Campeonato da Europa de Slalom, que realiza em Praga.

Praga
Antoine Launay

Termina Europeu de Slalom em Praga para Antoine Launay

Na República Checa, o canoísta da Seleção Nacional terminou a final da competição de K1 com o tempo de 106.14 segundos

Antoine Launay concluíu o percurso de 25 portas sem qualquer penalização.

Atleta do Darque Kayak Clube, Antoine Launay concluiu a final a 8.17 segundos do campeão da Europa, o checo Jiri Prskavec.

O canoista que pretendia neste Campeonato da Europa trazer uma medalha não conseguiu concretizar em prova os seus objetivos.

Razão pela qual transmitiu “a esperança de chegar à final e poder competir com os cinco primeiros colocados”.

Se conseguir trazer uma medalha para casa, ficarei muito feliz”, reforça.

Antoine Launay garantido para Portugal a vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio, fruto do 7.º lugar alcançado na prova de K1 do Campeonato do Mundo de Slalom realizado em outubro de 2019, em La Seu d’Urgell (Espanha).

A manhã de sábado começou para Antoine Launay com o 14.º tempo (105.58 segundos) obtido nas meias-finais.

As meias-finais contaram com 30 atletas, e com o lugar obtido garantiu deste modo, um lugar entre os 15 finalistas do Campeonato da Europa de Slalom.

Em Praga, o checo Jiri Prskavec, a correr em casa, sagrou-se campeão da Europa, com o registo de 97.97 segundos.

O esloveno Peter Kauzer (98.49 segundos) terminou no segundo lugar, e o polaco Mateusz Polaczyk (99.06 segundos), que concluiu a competição no 3.º posto.

Terminada a participação no Campeonato da Europa de Slalom, organizado pela Associação Europeia de Canoagem.

Inicialmente previsto para maio, em Londres, o canoísta da Seleção Nacional conta voltar a competir em 2020.

Mostrando esperança que a pandemia de Covid-19 não impeça a realização das Taças do Mundo previstas para a Eslovénia e França.

Texto / fotos: Federação Portuguesa de Canoagem

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta