RICARDO FILIPE “UM DOS RALIS MAIS DIFÍCEIS”

Ricardo Filipe

Foto: DR

O piloto algarvio, Ricardo Filipe navegado por Filipe Carvalho, logrou ultrapassar todas as armadilhas da edição 2024 do Rali Serras de Fafe, Felgueiras, Boticas e Cabeceiras de Basto.

Foi a estreia com o Skoda Fabia R5, almejando terminar no 10º posto entre os pilotos que disputam o CPR.

Decididamente, este foi um dos ralis mais difíceis da minha carreira!…

Chuva, frio, lama, neve e, para terminar em beleza, nevoeiro na segunda passagem pela Lameirinha!… foi épico!”, começa por relatar Ricardo Filipe, ao fazer o balanço desta sua estreia na temporada de 2024 e também debutando aos comandos do Skoda Fabia R5 da Olha o Cogumelo.

Leia também

CHEGOU A HORA DE RICARDO FILIPE SE ESTREAR “A DOER”

“Chuva, frio, lama, neve e nevoeiro, para terminar em beleza, foi épico!” Ricardo Filipe

Desde o arranque que se percebeu as condições em que o rali estava a ser disputado exigiam muito foco e capacidade de gestão do andamento e o piloto algarvio foi mantendo um ritmo conservador, sem que enjeitasse estar sempre na luta pelo Top 10 das contas referentes ao Campeonato de Portugal de Ralis.

A primeira passagem por Cabeceiras de Basto, na manhã de sábado, foi um “click” para a equipa optar por uma toada mais conservadora:

apanhamos alguns sustos e, logo aí, decidimos não arriscar mesmo nada e utilizar o que restava do rali para fazermos quilómetros e aprendermos mais sobre o Skoda, garantindo ainda um resultado neste arranque de temporada”.

Ricardo Filipe afirma que “nos sentimos orgulhosos por termos conseguido ultrapassar todas as dificuldades do rali, por termos conseguido evitar erros de monta e por também termos sido capazes de cumprir com o programa de desenvolvimento do nosso andamento e da adaptação ao carro.

Temos noção de que o nosso ritmo está a melhorar e de forma consistente e, agora, temos de trabalhar ainda mais para conseguir bons resultados, contando sempre com o excelente trabalho da Racing 4 You”.

Foto: DR

Enfatizando que “sabemos o que temos de fazer para andar taco-a-taco com os adversários que nos servem de referência.

E é isso que iremos tentar fazer, sobretudo nas provas que se disputem em condições mais normais”.

Agora, olhos já postos na próxima prova: “estou obviamente muito entusiasmado com o que poderemos fazer no Rali Casinos do Algarve.

Vou estar em casa e, obviamente, queremos conseguir andar rápido e obter uma boa classificação”.

O Rally Casinos do Algarve está agendado para os dias 15 e 16 de março.

Parceiros

Deixe um comentário