Rio Tâmega recebe a espetacularidade do slalom

Rio Tâmega

Campeonato Nacional de Slalom de 2020 decorre no fim de semana, na Pista do Penedo do Açúcar, no Rio Tâmega, em Amarante.

A espetacularidade do slalom está de regresso a Amarante.

Texto / foto: Federação Portuguesa de Canoagem

Espetacularidade do slalom regressa ao Rio Tâmega

A realização do Campeonato Nacional de Slalom 2020, está agendada para os dias 28 e 29 de novembro (sábado e domingo).

Com um percurso de 150 metros, com corrente, obstáculos naturais e portas de grau 2 e 3, será realizado na Pista do Penedo do Açúcar, no Rio Tâmega.

O Rio Tâmega dá palco à última prova do calendário competitivo da Federação Portuguesa de Canoagem em 2020, ano marcado por profundas alterações causadas pela pandemia de Covid-19.

Organizado pela Federação Portuguesa de Canoagem, em parceria com o Aventura Marão Clube, o Campeonato Nacional de Slalom vai contar com a presença de 75 canoístas em representação de oito clubes.

Rio Tâmega

Os emblemas representados em Amarante são:

Aventura Marão Clube,
Águas Bravas Clube,
Associação Desportiva de Amarante,
Darque Kayak Clube,
Douro Canoa Clube,
Clube Náutico Barquinhense,
Grupo Desportivo Nabância
e Clube Náutico de Angra do Heroísmo.

Os treinos oficiais estão agendados para sábado, entre as 9h00 e as 15h00.

A competição irá decorrer no domingo, a partir das 9h00, nas águas do Rio Tâmega.

Competição irá decorrer no domingo

Em disputa vão estar os títulos nacionais de K1 e C1 nos escalões de seniores, juniores, cadetes, infantis e veteranos A, B, C e D (masculinos e femininos).

Em 2020, o Campeonato Nacional de Slalom é constituído por duas mangas, com uma eliminatória e a final.

A prova está aberta apenas a embarcações monolugares, com a competição de C2 e de patrulhas a não entrarem, este ano, devido à Covid-19, na lista de provas.

Em virtude da crise pandémica que o país atravessa, a Federação Portuguesa de Canoagem volta a colocar em prática as normas da DGS.

Um apertado plano de procedimentos de proteção de todos os agentes envolvidos no Nacional de Slalom.

Para desta forma a diminuir ao máximo o risco de contágio e a obedecer às normas impostas pela Direção-Geral da Saúde.

Visualize também

Slalom de pequenino é que se torce o pepino

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Parceiros

Deixe uma resposta