Auriol Dongmo campeã da Europa por cinco centímetros de fé

Auriol Dongmo

Auriol Dongmo encontrou-se com o destino em Torun, na Polónia, ao conquistar a medalha de ouro no lançamento do peso dos Campeonatos da Europa em Pista Coberta.

Texto: Federação Portuguesa de Atletismo
Fotos: Giancarlo Colombo / FPA

Cinco centímetros de fé chegaram para a medalha de ouro no lançamento do peso

Com a marca de 19,34 metros, a atleta portuguesa deixou para trás a sueca Fanny Roos, que bateu o recorde nacional (19,29).

Última a lançar, a recordista nacional começou com um ensaio nulo, vendo as suas opositoras a lançar mais de 18 metros, até que ao segundo ensaio meteu a concorrência em sentido com um “tiro” a 19,21 metros.

Depois, confirmou com 19,07, 19,08 e melhorou para 19,34, finalizando como começou, com um nulo.

Auriol Dongmo
Auriol Dongmo

Auriol Dongmo campeã da Europa

A nova campeã da Europa entrou na competição um pouco nervosa, por ser «a primeira vez em Europeus. Mas estou muito feliz, por chegar e conquistar o ouro!», disse a atleta no final da competição.

Pelo meio, o recorde nacional obtido pela sueca Fanny Roos (19,29 metros) deixou-a a pensar.

«Olhei para ela e para a marca e disse para mim ‘Auriol’, o primeiro é o teu lugar, não é de mais ninguém, e lancei com isso na minha mente», referiu a atleta que agradece «à fé e à devoção a força que me mantém nesta luta, neste trabalho, que não é só por mim, mas também pelo meu filho e também pelo meu treinador [Paulo Reis] que fez muitos sacrifícios para que eu possa estará a este nível

Treinador que, desta vez, estava menos nervoso do que é habitual.

«Sim, ele costuma ser muito interventivo, grita em apoio, mas hoje estava muito tranquilo e passou-me essa tranquilidade», disse, considerando que a sua série de resultados, com quatro marcas acima de 19 metros, podia ter sido melhor.

«No aquecimento fiz um lançamento bem acima dos 19.80 metros, mas o que importa é que consegui a medalha e logo a de ouro!», disse ainda Auriol Dongmo.

Agora, o importante é continuar o trabalho com vista ao seu objetivo, «os Jogos Olímpicos, onde quero estar em boa forma.

Que boa forma?

Auriol Dongmo

«Tenho o objetivo de alcançar os 20 metros ainda este ano», concluiu a atleta.

No final, ouro para a portuguesa, prata para a sueca e o bronze para a alemã Christina Schwanitz, campeã mundial em 2015, campeão europeia ao ar livre em 2014 e 2016 e indoor em 2013, que no último lançamento, de raiva, chegou aos 19 metros (19,04).

Parceiros

Deixe uma resposta