Privacy Policy Page
Privacy Policy Page
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Bronze para Yahima Ramirez e Jorge Fernandes no ‘European Judo Open’ 2015

Yahima Ramirez (-78kg) conquista a medalha de Bronze no ‘European Judo Open Women’ 2015. A prova cumpriu-se no Pavilhão Multiusos de Odivelas, este sábado, dia 10 de Outubro.

Em dia de aniversário, Yahima Ramirez (-78kg) venceu todos os combates do seu quadro, alcançando a meia-final. Após dominar o combate contra a holandesa Karen Stevenson, Yahima acabaria por ceder por ‘ippon’, afastando-a da luta pelo ouro.

No combate seguinte a portuguesa demonstrou toda a sua qualidade derrotando a espanhola Sara Rodriguez e conquistando a medalha de Bronze.

Em destaque esteve também Ana Cachola (-63kg) que depois de vencer Julieta Perez, do México alcançou os Quartos-de-final da prova. Daria Davydova, que viria a ganhar a medalha de bronze, esteve mais forte nesse combate e venceu a judoca lusa. Nas repescagens, Hannah Martin (USA) impôs-se à atleta lusa, que assim finalizou num honroso 7º lugar.

Relembramos que nas eliminatórias que decorreram de manhã, Catarina Costa (-48kg), Maria Siderot (-48kg), Joana Fernandes (-52kg), Ana Jorge (-57kg), Filipa Almeira (-57kg), Ana Jorge (-63kg), Ana Correira (-63kg), Joana Santos (-63kg) e Ana Sena (-70kg) foram afastadas da competição no combate inaugural.

Doina Babcenco (-57kg), Joana Diogo (-48kg) e Inês Ribeiro (-52kg) ganharam os primeiros combates. Na ronda seguinte não se conseguiram superiorizar às suas adversárias.

Balanço da Participação Portuguesa:
Rui Vieira – Diretor Técnico Nacional

“Este European Open era composto por dois grupos. Primeiramente, tínhamos três atletas que estavam na disputa da qualificação olímpica. Infelizmente só duas participaram, devido a lesão da terceira.
A Yahima Ramirez ficou em terceiro lugar e a Ana Cachola em sétimo lugar, sendo que foi estabelecido para este grupo de atletas chegar às medalhas. Ambas conseguiram conquistar uma posição positiva dentro da sua qualificação para os Jogos Olímpicos. Esta é uma luta que já dura há dois anos e que agora já se encontra na reta final, acabando em maio do próximo ano.
No segundo grupo de atletas são mais jovens e menos experientes, mas são uma promessa do Judo para Tóquio 2020.
Neste europeu a Federação tinha como objectivo proporcionar a estas atletas um contacto ao mais alto nível profissional internacional.
Das nove atletas tivemos quatro em nono lugar, sendo que o objectivo era alcançar o último terço da classificação e ficar em nono lugar. No balanço global, estamos satisfeitos com a nossa prestação da equipa feminina”.

Antes do bloco de finais realizou-se uma demonstração muito especial: o combate entre Nuno Delgado e Miguel Vieira, judoca cego que vai competir no Campeonato Europeu de Judo para Cegos que se realiza de 25 a 30 de Novembro também no município de Odivelas.

O combate foi ganho por Miguel Vieira. No final fez a antevisão da competição do próximo mês: “Estou com boas expectativas. Estamos bem fisicamente e emocionalmente. Penso que o objetivo é ganhar, independentemente de quem seja o adversário. A nossa meta é fazer o melhor, esperemos que neste novo desafio consigamos a melhor classificação. Uma vez que vou competir em ‘casa’ não posso falhar”.

Sobre esta nova experiência o medalhado olímpico, Nuno Delgado disse ser “Uma experiência diferente. Obviamente que quando nos colocamos numa posição em que temos que encarar pessoas com dificuldades, neste caso visuais, é sempre interessante estar do outro lado da moeda. Pessoas como o Miguel, que apesar de não conseguirem ver, conseguem ir aos limites e esta é uma ótima mensagem para todos os que assistirem à prova”

Jorge Fernandes (-73 Kg) vence bronze em Glasgow

Jorge Fernandes (-73 Kg) conquistou a medalha de Bronze no “European Open Judo Men” que se realizou em Glasgow. O atleta português derrotou, no combate decisivo, o polaco Damian Szwarnowiecki .

Nuno Saraiva esteve também em destaque. No segundo combate pela medalha de bronze não consegui vencer ao francês Benjamin Axus, terminando num honroso 5º lugar.

Texto de: AnaLima / FPJ
Foto de: Rui Telmo Romão / FPJ

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta