García de Mateos vence etapa mas não incomoda Joaquim Silva

García de Mateos

O espanhol Vicente García de Mateos (Antarte-Feirense) ganhou ontem a quinta etapa do Grande Prémio Jornal de Notícias, impondo-se ao grupo de fugitivos que dominou os 132,2 quilómetros com partida e chegada em Valongo.

Joaquim Silva (Tavfer-Measindot-Mortágua) resistiu aos ataques e vai de amarelo para a última tirada.

Leia também sobre esta prova

Henrique Casimiro impõe-se em Ovar

Maurício mais uma vitória, Joaquim reforça liderança

Tomás Contte vence por um centímetro

Texto: União Velocipédica Portuguesa – Federação Portuguesa de Ciclismo
Fotos: Miguel Pereira/ Global Imagens

Joaquim Silva resiste à ofensiva que deu etapa a García de Mateos

A jornada deste sábado, marcada pela subida à Penha, Guimarães, a meio do percurso, foi muito atacada, com um grupo de ilustres a conseguir destacar-se e discutir entre si a etapa.

No entanto, o atraso que acumulavam, à partida, na classificação geral, não lhes permitiu incomodar verdadeiramente Joaquim Silva.

Vicente García de Mateos venceu ao fim de 3h08m30s de prova, o mesmo tempo dos dois corredores que cortaram a meta logo a seguir, dois homens da W52-FC Porto, João Rodrigues e Rui Vinhas.

O mais perigoso dos fugitivos nas contas da geral era António Carvalho (Efapel), quarto na chegada a Valongo.

Joaquim Silva e os principais homens da classificação geral registaram um atraso de 1m21s para o vencedor do dia. Foi o suficiente para Joaquim Silva manter a camisola amarela.

O chefe-de-fila da Tavfer-Measindot-Mortágua continua com 25 segundos de vantagem sobre Alejandro Marque (Atum General-Tavira-Maria Nova Hotel) e Ricardo Vilela (W52-FC Porto), que se mantêm na segunda e terceira posições, respetivamente.

García de Mateos

Classificações ficaram praticamente inalteradas

A Antarte-Feirense comanda três classificações:
a montanha, por António Ferreira;
as metas volantes por intermédio de Venceslau Fernandes;
e a classificação das autarquias, através de Bruno Silva.

Luís Mendonça (Efapel) é o primeiro nos sprints.

João Matias (Louletano-Loulé Concelho) encabeça a classificação dos pontos quentes.

André Domingues (Efapel) é o melhor sub-23.

Tiago Leal (Sicasal/Miticar/Torres Vedras) é o primeiro sub-23 das equipas de clube.

As mudanças foram nas gerais dos pontos, agora comandada por António Carvalho, e coletiva, que tem a W52-FC Porto no topo.

A 30.ª edição do Grande Prémio Jornal de Notícias termina neste domingo.

A última etapa liga Gaia a Viana do Castelo, numa viagem de 178,5 quilómetros, a mais longa tirada da prova.

O perfil da etapa é semelhante à da maioria das que já foram ultrapassadas, com alguma média montanha a pontuar o trajeto, mas sem constituir obstáculo intransponível para a maioria dos corredores.

Parceiros

Deixe uma resposta