Râguebi, Portugal perde com a Geórgia para o Mundial

A seleção portuguesa de râguebi foi ontem incapaz de travar o poderoso ‘maul’ da Geórgia e começou a qualificação para o Mundial com uma derrota por 29-16, no Jamor, na partida inaugural do Europe Championship 2021.

Texto: SYL // RPC – Lusa

Portugal batido pela Geórgia na qualificação para o Mundial de râguebi

Apesar de não aproveitar da melhor forma a indisciplina dos visitantes na primeira parte, com Samuel Marques a errar três penalidades, o râguebi de Portugal ainda chegou ao intervalo em vantagem (13-10), mas não foi capaz de aguentar o autêntico ‘rolo compressor’ do ‘pack’ avançado georgiano na segunda metade do encontro.

A formação de leste levou mesmo o ponto de bónus ofensivo de Lisboa, ao somar cinco ensaios, quase todos eles recorrendo à mesma fórmula:

«penalidade chutada para atouche’, a poucos metros da linha de ensaio, conquista da bola no alinhamento emauldinâmico rumo ao ensaio.»

Foi assim que Mirian Modebadze (19 minutos) fez o primeiro, solicitado na ponta, que Jaba Bregvadze (28) deu a primeira vantagem aos visitantes (10-6) e que, já na segunda parte, Giorgi Melikidze (49) e Shalva Mamukashvili (65) deram a volta ao marcador, em resposta ao ensaio de Rodrigo Marta (36).

Tornike Jalagonia (80) fez o toque de meta mais ‘elaborado’ da Geórgia, mas também resultado de um enorme trabalho dos avançados, em sucessivas fases dentro da área de 22 metros portuguesa, sem que os ‘lobos’ conseguissem sacudir a pressão.

Portugal só conseguiu mostrar um pouco do seu jogo veloz no final da primeira parte, momento em que Rodrigo Marta fez o único ensaio português, aproveitando a superioridade numérica conquistada minutos antes, quando um georgiano placou Raffaele Storti sem bola, para evitar que o ponta português concluísse uma solicitação ao pé.

A seleção portuguesa volta a entrar em ação no sábado, em encontro da segunda jornada do ‘Championship’, frente à Roménia, que hoje foi derrotada na Rússia, por 18-13.

râguebi

Jogo Portugal – Geórgia no Campo A do Centro de Alto Rendimento, no Jamor.

Portugal – Geórgia, 16-29

Ao intervalo: 13-10.

Sob arbitragem do italiano Gianluca Gnecchi, as equipas alinharam:

  • Portugal: Geoffrey Moïse, Mike Tadjer, Diogo Hasse Ferreira, Rafael Simões, José Rebelo de Andrade, João Granate, José Madeira, Luigi Dias, Samuel Marques, Jerónimo Portela, Rodrigo Marta, Tomás Appleton, José Lima, Raffaele Storti e Danny Antunes.

Jogaram ainda: David Costa, Nuno Mascarenhas, Thibault de Sousa, Francisco Sousa, Eric dos Santos, Theo Entraigues, Jorge Abecasis e Nuno Sousa Guedes.

Ensaios (1): Rodrigo Marta (36).

Conversões (1): Samuel Marques (37).

Penalidades (3): Samuel Marques (05, 14, 46).

Treinador: Patrice Lagisquet.

  • Geórgia: Guram Gogichashvili, Jaba Bregvadze, Giorgi Melikidze, Lasha Jaiani, Nodar Cheishvili, Giorgi Tkhilaishvili, Beka Saginadze, Tornike Jalagonia, Gela Aprasidze, Lasha Khmaladze, Aleksandre Todua, Merab Sharikadze, Giorgi Kveseladze, Mirian Modebadze e Ioseb Matiashvili.

Jogaram ainda: Shalva Mamukashvili, Beka Gigashvili, Gia Kharaishvili, Davit Gigauri, Irakli Tskhadadze, Mikheil Alania, Giorgi Babunashvili e Demur Tapladze.

Ensaios (5): Mirian Modebadze (19), Jaba Bregvadze (28), Giorgi Melikidze (49), Shalva Mamukashvili (65), Tornike Jalagonia (80).

Conversões (2): Ioseb Matiashvili (50, 80+1).

Treinador: Levan Maisashvili.

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Giorgi Kveseladze (33), Giorgi Tkhilaishvili (54) e Tomás Appleton (63).

Assistência: jogo disputado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.

Parceiros

Deixe uma resposta