Van Vleuten dá vitória à Movistar no Tour de Flandres

Van Vleuten

Annemiekv Van Vleuten

Dez anos depois, a holandesa Annemiek Van Vleuten da Movistar feminina ganhou a Volta a Flandres Mulheres.

Dá a sua primeira vitória à equipa, depois de um grande ataque nas rampas de Paterberg, a 13 quilómetros da meta, a campeã europeia conseguiu uma dobradinha uma década depois, com a camisola da Movistar.

Texto: José Morais – Noticias do Pedal
Foto: AP

Annemiekv Van Vleuten ganha no Tour de Flandres e consegue dobradinha

A Movistar conseguiu assim a sua primeira vitória na corrida emblemática, uma das cinco provas monumentais do ciclismo, que até à data nunca tinha vencido tanto na categoria masculina como feminina.

Van Vleuten, a ciclista de 38 anos que possui títulos da Europa e do Mundo no seu palmarés, como a assinatura nas estrelas da Movistar, tentou um ataque definitivo ao escalar as rampas de Paterberg, sendo a última dificuldade do trajeto de 152 quilómetros, nesta que foi a 18ª edição feminina do Tour de Flandes, o qual terminou em Oudenaarde.

A estrela da Movistar iniciou assim a época este ano, inserida num selecionado de corredoras, sendo atormentada por diversas campeãs do mundo e da europa, mas conseguiu superar e ser mais forte, foi ambiciosa, atacou e venceu.

Passou o topo da subida com 9 segundos, os quais foram suficientes para cortar a meta em primeiro, levantar os braços com o tempo de 4h01.11, e uma vantagem de 25 segundos sobre a alemã Lisa Brennauer da Ceratizit que terminou em 2º, e da australiana Grace Brown da BikeExchange em 3º, inserida no grupo onde a italiana Elisa Longo Borghini também estava.

Van Vleuten
Annemiekv Van Vleuten

“A equipa nunca tinha ganho uma clássica destas

Foi um dia muito especial para mim, como para a minha equipa “Movistar”, a equipa nunca tinha ganho uma clássica destas.

É sem dúvida muito bom viver estes bons momentos, agradeço a toda a equipa pelo trabalho feito, durantes muitos anos que procurei ganhar em Flandres, e finalmente consegui.

Ainda tentei no Kanarieberg, mas existia muito vento e dificultou o meu ataque, mas com isso consegui desgastar as rivais, dificultando a corrida para todas as minhas adversárias, joguei assim forte e consegui a vitória final“,

disse a ex-campeã mundial e atual campeão europeu, a holandesa Annemiek Van Vleuten.

A holandesa conseguiu assim em 5 dias duas vitórias, a primeira na Dwars Door Vlaanderen, e a segunda em Flandres, com a equipa da Movistar a terminar a semana em alta.

De referir que já no Grande Prémio Miguel Indurain Alexandro Valverde saiu vencedor, com as duas equipas feminina e masculina a terem vitórias em grande.

No final o top 10 ficou assim:
1º. VAN VLEUTEN Annemiek – Movistar Team
2º. BRENNAUER Lisa Ceratizit – WNT Pro Cycling
3º. BROWN Grace -Team BikeExchange
4º. LONGO BORGHINI Elisa – Trek-Segafredo Women
5º. VOLLERING Demi – SD Worx
6º. CAVALLI Marta – FDJ Nouvelle Aquitaine Futuroscope
7º. LUDWIG Cecilie Uttrup – FDJ Nouvelle Aquitaine Futuroscope
8º. VAN DER BREGGEN Anna – SD Worx
9º. REUSSER Marlen Alé – BTC Ljubljana
10º. FAULKNER Kristen – Team TIBCO – SVB 68

Parceiros

Deixe uma resposta