Copa de Espanha de slalom, com portugueses presentes

Copa de Espanha de slalom

Antoine Manuel Launay do Darque Kayak Clube

A primeira competição internacional do ano para a DKC de Viana do Castelo foi auspiciosa ao conquistar uma brilhante classificação através de Antoine Manuel Launay na Copa de Espanha de slalom.

Sendo que “nuestros hermanos” são candidatos ao ouro olímpico e Espanha tem o actual campeão do mundo na canoagem da especialidade de slalom.

Texto: Henrique Dias – OPraticante.pt
Foto de capa: Antoine Launay

Copa de Espanha de Slalom, Antoine Manuel Launay ao lado do pódio

Antoine Manuel Launay que garantiu um lugar em Tóquio 2020, competição que somente este ano se irá realizar devido à pandemia que atingiu o mundo, competiu em representação da DKC em La Seu de Urgell, conquistando o 4º lugar na final sénior de K1, a apenas cinco décimas da medalha de bronze.

O atleta deste clube vianense disse que “a pista é pequena para um atleta da minha estatura, o que o me fez perder um pouco de velocidade”, mas mostrou-se satisfeito pelo resultado obtido na competição.

Noutra prova, também Copa de Espanha, mas realizada no dia seguinte, Antoine abriu as hostilidades com um magnífico 2º lugar na qualificação e decidiu arriscar metendo mais velocidade, procurando a medalha, contudo um erro de trajetória fez com que tocasse em duas portas sendo penalizado em 4 pontos o que o levou ao 10º lugar final desse dia.

A prova foi vencida pelo Joan Crespo.

Mas não foi somente o atleta da DKC, que marcou presença, também participaram José Carvalho da Associação Desportiva de Amarante, Alexandre Magalhães do Águas Bravas Clube e João Sampaio a competir como individual, com sortes diferentes

Copa de Espanha de slalom
José Carvalho da Associação Desportiva de Amarante

“…tiramos ilações muito boas para o grande objetivo…”

José Carvalho competiu em C1 conseguiu apurar-se para as finais em ambos os dias, ficando em sexto lugar, no sábado e em nono no domingo.

Foi bom voltar a competir e remar numa Pista artificial.

Desde o Mundial 2019 que não competia devido a lesão e também devido pandemia.

Para mim e para o meu treinador, serviu para tiramos ilações muito boas para o grande objetivo que é o Europeu em Maio em Ivrea.” disse-nos José Carvalho

Acrescentando “No primeiro dia de final fiquei a 4.81 segundos do podio.

Já no domingo um percurso mais exigente fiquei em 3° na primeira manga, o tempo que obtive na semi final podia ter obtido o 4° lugar na final.

Na final arrisquei um bocado mais, perdi a trajetória e tive três penalizações que me levaram para o 9°posto.

Os atletas Alexandre Magalhães competiu em K1 e João Sampaio a competir em C1 falharam o apuramento para as finais, em ambos os dias.

Alexandre Magalhães do Águas Bravas Clube

“…foi uma ótima forma de voltar ao ritmo…”

Alexandre Magalhães declarou-nos “Foi uma competição diferente, devido ao covid.

Estivemos mais restritos aos rios portugueses, o que resultou numa menor progressão em relação aos atletas que já treinam em condições semelhantes no rio Segre, rio onde se deu a competição.

No entanto, foi uma ótima forma de voltar ao ritmo imposto na alta competição, preparando-me para as provas seletivas que estão aí à porta.”

O Treinador do ABC – Águas Bravas Clube, Mário Silva declarou-nos “este ano não está ser fácil a suspensão de todas as provas de canoagem em Portugal desde 15 de Janeiro e para já até 15 de Abril de 2021.

Começa agora alguma abertura para poder participar em algumas provas em Espanha, com muitas restrições, sem público e sempre com testes ao covid.

“Fui a esta Copa de Espanha de slalom … ver o nível competitivo”

Fui a esta Copa de Espanha de slalom com o intuito de preparar os seletivos sénior que vão decorrer na Copa Pirinéus nos dias 20-21 de março em La Seu Durgell.

Para remar algumas horas no canal, que não temos em Portugal e para ver o nível competitivo em que me encontrava.

No domingo fiquei a 3 lugares da final com uma descida sem penalizações, ficando satisfeito com o resultado obtido.” referiu João Sampaio à nossa equipa de reportagem

Copa de Espanha de slalom
João Sampaio do Aventura Marão Clube

O melhor resultado português pode ser assim considerado foi o conseguido pelo atleta Antoine Manuel Launay da DKC de Viana do Castelo.

As classificações dos canoístas portugueses não contaram para a classificação oficial da prova.

No entanto serviu para apurarem o seu estado físico em virtude de as provas de Slalom em Portugal estarem suspensas até dia 15 de abril, por decisão da Federação Portuguesa de Canoagem.

Parceiros

Deixe uma resposta