Banner superior
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Davide Machado uma referência na orientação e no BTT

Davide Machado sagrou-se, pela quinta vez, campeão nacional absoluto de Orientação em BTT.
O Praticante entrevistou o atleta para perceber a importância que esta conquista tem na sua vida.

Qual foi a sensação de ter sido campeão pela quinta vez?

Uma sensação de tremenda felicidade! O primeiro título será sempre o primeiro e fica marcado de forma especial, no entanto conseguir ao longo dos anos renovar esta mesma conquista deixa-me orgulhoso e extremamente satisfeito, principalmente numa época excecional como esta.

Pódio do Campeonato Nacional Absoluto

Foi muito difícil?

O campeonato absoluto é a última prova da época e este ano não foi exceção. Dada a quantidade de provas e modalidades que pratico e à extensa época, esta é uma altura em que já preferia estar totalmente em descanso a preparar 2019. No entanto um título absoluto é um titulo importante para qualquer atleta. A parte mais difícil deste foi mesmo as condições atmosféricas, que, apesar de ser em “casa” (terra Natal) e no qual teoricamente estar habituado, a realidade é que nunca me adaptei ao frio e chuva!

Como conseguiu obter este feito?

Foi o culminar da minha melhor época desportiva de sempre e tal como todos os outros conseguem-se com muito esforço, dedicação e treino, acrescentando no meu caso um tremendo gosto pela modalidade!

Davide
Davide Machado

Continua a ser sempre memorável quando obtém um resultado como este?

Sem dúvida! Tenho um enorme orgulho não só pelo resultado em si, mas pela forma como tenho vindo a conseguir conquistar este tipo de resultados. Para além do título de Campeão nacional Absoluto, esta prova garantiu também a conquista da taça de Portugal.

Como prevê os resultados daqui em diante?

Os resultados são sempre difíceis de prever, mas sendo que vou manter a vontade, o empenho e focar-me ainda mais, espero conseguir alcançar os objetivos que defini.

Davide Machado- Foto: Paula Silva

Davide Machado de Ouro, Prata e …

O atleta consagrou-se vice-campeão do mundo, depois de ter conquistado a medalha de “PRATA” no Mundial na Áustria, em agosto. Já em setembro, venceu o “OURO” na prova de longa distância na Taça do Mundo, em Odemira.

Foto de Capa da autoria de Nuno Leite.

Texto: Daniela Rebouta

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta