José Guilherme Santos é o novo mestre dos mestres

José Guilherme Santos

José Guilherme Santos - Foto de arquivo

A galeria dos notáveis do Torneio Nacional de Mestres tem mais um nome. Trata-se de José Guilherme Santos, jovem mestre FIDE, do GX Alekhine, que venceu a edição 2021/2022, após uma luta titânica, que teve lugar nas instalações do Hotel Golden Tulip Porto Gaia, na Praia de Lavadores (Canidelo, Vila Nova de Gaia).

Texto: Federação Portuguesa de Xadrez

José Guilherme Santos o novo mestre após uma luta titânica

José Guilherme Santos, ainda Sub-20, somou 6,5 pontos nas nove rondas da prova, correspondentes a quatro vitórias e cinco empates, e tamanha regularidade deu-lhe o inédito título, apesar de ter terminado em igualdade pontual com o também Sub-20 e também mestre FIDE José Francisco Veiga (A.XAT Montemor-o-Novo).

Nas contas do desempate, o jovem xadrezista levou a melhor por ter batido Veiga no duelo direto, sucedendo-lhe como mestre dos mestres.

O pódio ficou fechado com Bruno Martins, mestre FIDE da A.XAT, que somou 5,5 pontos, os mesmos de outros dois jogadores da A.XAT, o mestre internacional Paulo Dias e o mestre FIDE Pedro Rego.

José Guilherme Santos vs Bruno Martins

Na nona e derradeira ronda, José Guilherme Santos defrontou, de pretas, Bruno Martins e conseguiu um empate, suficiente para levar o título, já que o confronto direto favorecia-o em relação a José Francisco Veiga, que teve de contentar-se com a segunda posição, mesmo depois de ter batido Pedro Rego.

Resultados e classificação

Resultados – 9.ª Jornada:
Miguel Sismeiro (EX Porto/Colégio Efanor)-Gonçalo Silva (A.XAT Montemor-o-Novo), empate;
Miguel Silva (MN, A.XAT Montemor-o-Novo)-André Fidalgo (MN, Estrelas S. João Brito), empate;
José Francisco Veiga (MF, A.XAT Montemor-o-Novo)-Pedro Rego (MF, A.XAT Montemor-o-Novo), 1-0;
Paulo Dias (MI, A.XAT Montemor-o-Novo)-Pedro Gil Silva (Vitória SC), empate;
Bruno Martins (MF, A.XAT Montemor-o-Novo)-José Guilherme Santos (MF, GX Alekhine) empate.

José Guilherme Santos

Classificação final:
1.º José Guilherme Santos, 6,5;
2.º José Francisco Veiga, 6,5;
3.º Bruno Martins, 5,5;
4.º Paulo Dias, 5,5;
5.º Pedro Rego, 5,5;
6.º André Fidalgo, 4;
7.º Miguel Sismeiro, 3,5;
8.º Pedro Gil Silva, 3,5;
9.º Miguel Silva, 3;
10.º Gonçalo Silva, 1,5.

Parceiros

Deixe uma resposta