Banner superior
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Open de Portugal com recorde de inscritos

O Open de Portugal / Cidade de Lisboa reúne todas as condições para mostrar a força do xadrez no nosso país.

A um dia do início da grande competição, que decorre de 2 a 10 de fevereiro, no pavilhão do Casal Vistoso, em Lisboa, o número de inscritos subiu para 274, um recorde absoluto no grande torneio luso, que começa a armar-se como um dos eventos do género mais importantes no panorama europeu.

 

40 nacionalidades distintas no Open de Portugal / Cidade de Lisboa

Nas mesas do segundo pavilhão do Casal Vistoso estarão jogadores de 40 nacionalidades distintas, prova da grande internacionalização do torneio, que também garante uma qualidade assinalável, pois conta com um bem fornecido lote de mestres.

Entre os 85 titulados destacamos os 17 grandes mestres, os 18 mestres internacionais, as quatro grandes mestres femininas e as duas mestres internacionais femininas, que naturalmente lutarão pelos lugares de maior destaque.

O número 1 do torneio é o grande mestre russo Alexander Motylev, um ex-campeão europeu (2014), que presentemente ocupa a 113.ª posição do ranking mundial. Motylev é o maior candidato ao triunfo no Open, mas terá forte concorrência, sobretudo dos grandes mestres Eduardo Iturrizaga (Venezuela, vencedor do torneio em 2017), Eric Hansen (Canadá), Nikita Petkov (Rússia) e Xiangyu Xu (China). Xu, aliás, lidera uma interessante “armada” chinesa, na demonstração do poderio que este país tem neste momento no xadrez mundial.

Portugal também está representado por jogadores de topo, como o grande mestre Luís Galego e os mestres internacionais Rui Dâmaso e Sérgio Rocha.

Open de Portugal / Cidade de Lisboa

O Open de Portugal 2019 inicia-se no dia 2 de fevereiro, com a sessão de abertura e a primeira jornada, marcada para as 16 horas.

No dia 3, domingo, realizam-se duas jornadas, às 14 e às 19.30 horas, e depois haverá uma ronda diária até ao final.
Entre os dias 4 e 8 de fevereiro – da 4.ª à 8.ª jornada – os jogos iniciam-se às 19 horas e a ronda nal, no dia 9, está marcada para as 14 horas.

Open de Portugal

Open de Portugal de Partidas Semirrápidas

Depois das emoções fortes do Open em partidas clássicas, o ritmo vai acelerar no dia 10 de fevereiro, com a realização do Open de Portugal de Partidas Semirrápidas, que contará com a presença da maioria dos jogadores do torneio de clássicas.

As principais figuras do Torneio

Alexander Motylev

Alexander Motylev (Rússia) – Grande mestre, 2644 pontos Elo

É, aos 39 anos, o atual 116.º jogador do ranking mundial. Foi campeão da Rússia em 2001, mas atingiu o topo da carreira quando se sagrou campeão da Europa em 2014.

É também um reconhecido treinador e foi o “segundo” de Sergey Karjakin quando este compatriota seu disputou a final do Mundial de 2016, frente a Magnus Carlssen.

Eduardo Iturrizaga

Eduardo Iturrizaga (Venezuela) – Grande mestre, 2637 pontos Elo

É um dos melhores jogadores sul-americanos e conhece bem os tabuleiros portugueses pois defendeu a primeira mesa da Academia de Xadrez de Gaia em três dos títulos nacionais do conjunto gaiense.

Está na história do Open de Portugal como vencedor da edição de 2016, a primeira no formato atual de um dos torneios mais fortes da Europa. É um habitual “cliente” do top-100 mundial, mas atualmente está na 127.ª posição do ranking.

Eric Hansen

Eric Hansen (Canadá) – Grande mestre, 2615 pontos Elo

O número 3 do Open de Portugal é um jogador canadiano de exceção, que se tornou num dos melhores xadrezistas da América do Norte dos últimos anos.

Membro da seleção olímpica do Canadá tem mantido uma trajetória ascendente, com triunfos em torneios magistrais.

Nikita Petrov

Nikita Petrov (Rússia) – Grande mestre, 2585 pontos Elo

Quando, há um ano, veio jogar o Open de Portugal este jovem russo ainda era apenas mestre internacional.

Foi no nosso país que assegurou a norma definitiva que o conduziu ao titulo de grande mestre e desde aí tem subido degraus na hierarquia mundial.

Xiangyu Xu

Xiangyu Xu (China) – Grande Mestre, 2567 pontos

A China é já uma grande potência mundial do xadrez e não para de produzir talentos.

Xu é um desses jovens fenómenos do país campeão das Olimpíadas de 2018, ocupando a 22.ª posição do ranking mundial de Sub-20. É o rosto mais conhecido da forte armada chinesa no Open português.

Luís Galego

Luís Galego (Portugal) – Grande mestre, 2507 pontos Elo

Há mais de três décadas no topo do xadrez nacional, o regular xadrezista portuense passa por uma excelente fase, refletida na subida da fasquia dos 2500 pontos Elo.

O seis vezes campeão nacional defendeu o primeiro tabuleiro de Portugal nas Olimpíadas de Batumi (2018) com excelentes resultados.

Marina Brunello

Marina Brunello (Itália) – Grande mestre feminina, 2353 pontos Elo

Jogadora que mostra bem a evolução do xadrez italiano na última década.

Culminou uma recente ascensão com a conquista da medalha de ouro no quarto tabuleiro da seleção feminina de Itália nas Olimpíadas de Batumi (2018).

No dia 10.02.2019 realiza-se o Open de Portugal na variante de semirrápidas, a partir das 10.30 horas, sendo todos os jogos realizados no Pavilhão 2 do Casal Vistoso, em Lisboa.

Texto / Fotos: Federação Portuguesa de Xadrez

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta