Portugal quarta melhor equipa de ultimate frisbee da Europa

Equipa de Portugal no mundial

Portugal termina em oitavo lugar e é a quarta melhor equipa da Europa no mundial de ultimate frisbee de praia

 

Campeonato Mundial de Ultimate Frisbee de Praia

Portugal concluiu ontem a participação no campeonato do mundo de ultimate frisbee de praia, o World Championships of Beach Ultimate, disputado nas areias de Royan, na costa atlântica de França.

Depois de ter comprometido a discussão pelo título, ou mesmo a repetição dos dois quartos lugares obtidos nos anteriores mundiais de praia, à seleção nacional restava discutir a quinta posição.

O dia começou cedo, com a Índia pela frente, um adversário que se revelou muito difícil.

Ambas as equipas deram tudo e a alternância no mercado mostra isso mesmo: Portugal começou a perder, depois passou para a frente e chegou a ter três pontos de avanço. Mas os indianos reagiram muito bem e passaram para a frente com quatro pontos consecutivos.

” universe point ” favorável à Índia

A par-a-par até ao final, o jogo foi decidido por “universe point”, favorável à Índia, em mais uma derrota muito difícil de digerir para Portugal: foi a terceira pela margem mínima neste mundial.

No derradeiro jogo, para atribuição do sétimo e oitavos lugares do mundial de ultimate frisbee de praia, Portugal teve pela frente a seleção da Grã-Bretanha, a quem os lusos já haviam ganho na primeira fase. Mas acusando o desgaste, a seleção não resistiu aos britânicos, sofrendo a derrota mais pesada nesta participação: 13-3.

Num balanço final, Portugal esperava mais de si mesmo, mas encontrou pela frente opositores muito fortes, extremamente bem preparados e, na generalidade, com comunidades nacionais de ultimate muito mais desenvolvidas do que a portuguesa.

Equipa de Portugal no mundial

Portugal termina no oitavo lugar do Campeonato Mundial Ultimate Frisbee de Praia

Portugal termina no oitavo lugar na divisão mixed e foi a quarta melhor seleção europeia em prova, mas traz na bagagem a certeza de ter deixado uma imagem bem positiva em França, onde se exibiu a alto nível em diversos jogos, contribuindo para a espectacularidade do WCBU2017.

Declarações finais do capitão de Portugal, Sebastien Lacroix:

Disputámos 12 jogos em que tivemos que lutar muito para cada ponto, cada defesa.
Vimos grandes jogadas por parte de todos os nossos 15 jogadores.
Tivemos apenas um jogo considerado mais fácil e conseguimos jogar taco-a-taco contra qualquer equipa que enfrentámos, mas nem sempre mantivemos o nosso nível de jogo.
No final de contas, ficamos em 8º lugar do mundo e somos a quarta melhor seleção da Europa.
Olhando pelo número de jogadores que temos em Portugal, voltamos a ter um resultado muito positivo.
Em França demos tudo, enfrentámos grandes equipas, fomos também nós uma grande equipa.
A semana foi marcada por muito calor, mas houve sempre grande espírito e vontade de representar Portugal, apoiar a nosso país, que passou por um momento muito difícil com incêndios mortais”.

Mais informação aqui.

Parceiros

Deixe uma resposta