Seleção Nacional goleia Andorra mas vê escapar a final

seleção nacional

Foto: Lusa

A seleção nacional venceu, ontem, a seleção de Andorra, por 12-1, naquele que foi o último jogo da fase de grupos do Campeonato Europeu de Hóquei em Patins, classificando-se em terceiro lugar.

Apesar da goleada, a seleção nacional viu afastado o sonho de estar presente na final da competição, uma vez que Espanha venceu a seleção francesa, pela escassa vantagem de dois golos.

Leia também

Girão prevê torneio europeu “mais equilibrado de sempre”

Europeu de Hóquei em Patins, Portugal entra a golear

Portugal demonstrou que continua vivo frente à Itália

Vitória épica de Portugal frente à seleção espanhola

Texto: FPP

Seleção Nacional vai disputar o 3º lugar

Portugal começou cedo a impor o ritmo de jogo e ao intervalo, vencia já por 6-1.

No tempo complementar, mais seis golos definiram o resultado mais alargado de todo o europeu, com o um hat-trick do capitão João Rodrigues, e golos de Gonçalo Alves (2), Diogo Rafael (2), Rafa (2), Jorge Silva (2) e Veirinha.

No final do jogo, Henrique Magalhães considerou que a seleção acabou «por fazer uma boa exibição».

«Ganhámos bem, mas claro que não queríamos que fosse este o desfecho do europeu, que ainda não acabou.

Temos de pensar naquilo que vem amanhã, que é um terceiro e quarto lugar e queremos muito conquistar o pódio.

Obviamente que gostaríamos de estar na final. Não foi possível.

De qualquer forma, temos de continuar a dignificar esta camisola e o símbolo que temos ao peito, e é isso que vamos fazer amanhã», disse.

Foto: Lusa

Edo Bosch explicou que este foi «um jogo difícil de preparar sobretudo pelo que aconteceu antes do jogo».

O técnico não quis deixar de «dar os parabéns aos meus jogadores pela seriedade e pelo esforço que fizeram hoje» e confessou que «para mim, foi uma oportunidade única, que nunca vou esquecer, a de ser selecionador nacional de uma seleção campeã do mundo».

Em relação ao jogo de amanhã (hoje) «vamos dar tudo para conquistar o terceiro lugar» pois «estes guerreiros merecem isso, assim como o público que nos está a apoiar.

Vamos dar tudo e fazer o que fizemos durante este campeonato.

E o melhor que podemos tirar desta competição é que fizemos um jogo que vai ficar para a história, que foi o de ontem», concluiu.

Portugal vai agora disputar o terceiro lugar da prova frente à Itália

Parceiros

Deixe uma resposta