Privacy Policy Page
Privacy Policy Page
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Sonho de José Fernandes tornado realidade

O alentejano José Fernandes conquistou a Volta dos Futuros Campeões e tornou o seu sonho realidade.

Natural de Évora, mas a viver no Ribatejo, José Fernandes confirmou o favoritismo e terminou a 25ª Volta Portugal do Futuro Liberty Seguros vitorioso.

José Fernandes

José Fernandes camisola amarela desde a primeira etapa

Camisola Amarela desde a segunda etapa quando a competição chegou ao alto da Serra de São Macário, José Fernandes, ou José Neves como mais gosta de ser tratado, chegou, este domingo, integrado no pelotão que terminou a prova, em Alcains (Castelo Branco).

O triunfo nesta quarta e derradeira tirada foi discutido ao sprint após 148,2 quilómetros quando um francês, Corentin Navarro (Delko Marselle), impôs a lei do mais forte superiorizando-se a Francisco Campos (Miranda-Mortágua) e Jonathan Couanor, companheiro de equipa do vencedor.

Foi a terceira chegada ao sprint e a terceira vez que o campeão português Sub 23, Francisco Campos, fez segundo lugar.

Algo frustrado, após cruzar a linha de meta, valeu ao corredor da equipa comandada pelo antigo sprinter, Pedro Silva, a conquista da Camisola Preta Kia da classificação por pontos.

Foi o mais regular em toda a Volta.

Corentin Navarro

Consagração só…no fim!

Longe de ser uma etapa de consagração para o líder, o dia iniciado no Sabugal teve como protagonista um pequeno grupo, onde estava Hugo Nunes (Miranda-Mortágua), que virtualmente devido, à vantagem da fuga, poderia reescrever a história desta Volta.

Lá atrás, o pelotão comandado pelos azuis e brancos da Liberty não facilitou a vida a quem assumiu a frente da corrida e nos últimos quilómetros conseguiu com alguma facilidade engolir todos os fugitivos.

Na estreia de Alcains na Volta a Portugal do Futuro a vitória foi discutida em bloco e José Fernandes, feita a contabilidade final da competição, acabou com 2 minutos e 46 segundos de vantagem sobre o basco Txomin Juaristi (Café Baque).

O terceiro da geral foi Gaspar Gonçalves (Liberty Seguros-Carglass).

Camisolas

No pódio, e para além das camisolas já citadas, comemoraram Marcelo Salvador (Sicasal-Constantinos-Delta Cafés) que confirmou a Camisola Castanha da Montanha e Roger Adria (Lizarte) que manteve a Camisola Branca RTP por ser entre os mais jovens o melhor classificado.

Coletivamente a vencedor foi a equipa espanhola Lizarte.

Equipa espanhola Lizarte

A Grande Volta começa dia 4 de agosto

Terminada a Volta dos mais jovens, a Podium Events entra na reta final dos preparativos para a prova rainha do ciclismo nacional, a Volta dos profissionais que este ano vai começar em Lisboa e terminar em Viseu.

A 79ª Volta a Portugal Santander Totta decorre entre 4 e 15 de agosto e vai assinalar os 90 anos desde que a prova foi realizada a primeira vez.

Mais informação aqui.

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta