Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Sporting, leões obtêm vitória frente ao Belenenses

Foi no Pavilhão Acácio Rosa que se deu o embate entre CF Belenenses e Sporting CP, numa partida em que Pedro Valdés inaugurou o marcador e que, a formação orientada por Thierry Anti rapidamente chegou aos quatro golos de vantagem.

Sporting, o andebol dos leões obtêm vitória frente ao Belenenses

A turma de João Florêncio ainda conseguiu algumas recuperações mas saiu para o descanso a perder por 16:20. No segundo tempo, o Sporting voltou a dilatar as contas e manteve-se no comando até ao apito final, altura em que o placar marcava 30:34. Francisco Tavares foi o melhor marcador do encontro, com 9 golos marcados.

Sporting

Boavista FC vs ABC UMinho

De seguida, Boavista FC e ABC UMinho encontraram-se no Municipal de Pedrouços, numa partida em que desde cedo a formação de Jorge Rito comandou o marcador, com o empate, a 7 golos, a surgir aos 17 minutos.

No entanto, a turma de Marco Sousa não conseguir dar a volta ao rumo do encontro e saiu para o descanso a perder por 9:12. Já na segunda parte, a formação minhota ampliou a contagem no marcador e conseguiu colocar-se numa liderança dilatada, acabando por averbar uma vitória por 19:26.

André Rei, com 7 golos, foi o artilheiro do encontro, a favor do ABC UMinho.

Vitória FC vs Artística de Avanca/Bioria

À mesma hora, a Artística de Avanca Bioria deslocou-se a casa do Vitória FC, numa partida em que, apesar dos empates iniciais, a formação de Herlander Silva liderou desde cedo, com as equipas a saírem para o descanso com seis golos de diferença, com 8:14 no placar.

No segundo tempo, a formação de Luis Monteiro conseguiu recuperar, estando a par e passo com a turma avancanense mas não conseguiu inverter o rumo do encontro, saindo derrotada por 24:30.

O melhor marcador do encontro, com 9 golos, foi Gualther Furtado, para a formação da Artística.

SC Horta vs ADA Maia/ISMAI

Ao final da noite e a encerrar a 22ª jornada, o ADA Maia/ISMAI deslocou-se à Horta, numa partida que começou bastante equilibrada, com as duas formações a par e passo durante o primeiro tempo, apesar de algum distanciamento inicial da turma de Alexandre Melo, as equipas acabaram por sair para o descanso empatadas a 17 golos.

No segundo tempo, a turma de Tiago Cunha colocou o pé no acelerador e conquistou uma vantagem de seis golos, e acabou por vencer o encontro por 31:27.

Vinicios Carvalho, com 10 golos, foi o melhor marcador do encontro.

Texto / fotos: Federação Portuguesa de Andebol

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta