VILAÇA E BATISTA NO TOP-10 EM YOKOHAMA

Vasco Vilaça

Foto: Janos M. Schmidt / World Triatlon

Vasco Vilaça e Ricardo Batista terminaram a etapa de Yokohama do Campeonato do Mundo, no Japão, no sétimo e oitavo lugares respetivamente.

A prova disputou-se na madrugada deste sábado e contou ainda com a presença de João Silva, 44.º classificado, tendo sido ganha pelo britânico Alex Yee, seguido do neozelandês Hayden Wilde, e do francês Leo Bergere.

Texto: Henrique Dias // OPraticante.pt e Federação de Triatlo de Portugal
Fotos: Janos M. Schmidt / World Triatlon

vilaça
Foto: Janos M. Schmidt / World Triatlon

Vasco Vilaça e Ricardo Batista “juntos metemos dois portugueses no top 10”

7o lugar na WTCS Yokohama! Não só feliz com a minha prestação mas também muito contente por partilhar este momento com o Ricardo Batista.

Juntos metemos dois portugueses no top 10 de uma prova da World Series!” escreveu na sua página Vasco Vilaça.

Foto: Janos M. Schmidt / World Triatlon

Sabia que podia estar entre os 20 primeiros e saio daqui com um oitavo lugar.

Estou muito satisfeito. Senti-me bem durante toda a prova e foi um orgulho competir ao lado do Vasco e do João.

Uma palavra especial para o João que é uma referência do triatlo português e hoje teve um dia menos bom.

Muita força”, sublinhou Ricardo Batista depois de completar os 1,5km de natação, 40km de ciclismo e 10 km de corrida.

Foto: Janos M. Schmidt / World Triatlon

Melanie Santos “Consegui uns pontos que era o que procurava”

No sector feminino, Melanie Santos alcançou o 25.o lugar e Maria Tomé foi 30 ª.

A medalhista olímpica britânica Georgia Taylor-Brown mostrou uma forma magnífica para conquistar a primeira vitória do ano, uma vitória que a coloca por enquanto no topo do Ranking Mundial de Triatlo.

A francesa Leonie Periault conquistou o segundo lugar, enquanto a campeã olímpica Flora Duffy teve que lutar muito para terminar em terceiro lugar.

Consegui uns pontos que era o que procurava. Não foi o ideal, estive perto do top-10 e hoje tinha dado se estivesse a 100% em termos de saúde.

Nos dias antes da prova estive constipada e ressenti-me a partir do ciclismo“, explica Melanie. Santos.

Maria Tomé
Foto: Janos M. Schmidt / World Triatlon

Maria Tomé “Primeira experiência numa wtcs está feita e bem feita”

Maria Tomé declarou-nos “Primeira experiência numa wtcs está feita e bem feita.

Não foi uma natação como a que estava a espera, onde acabei por perder algum tempo para os grupos da frente.

Depois na bike tentamos trabalhar para recuperar algum desse tempo, o que foi difícil porque a este nível as atletas são muito fortes.

Quando comecei a correr foi tentar fazer a melhor corrida possível.

Penso que para uma primeira experiência há sempre muito a aprender e que na próxima vou voltar mais forte!

José Estrangeiro

“Excelentes resultados, do Vasco Vilaça e do Ricardo Batista”

José estrangeiro efetuou para o nosso projeto, um balanço da participação portuguesa em Yokohama “O balanço geral foi obviamente positivo.

Tivemos excelentes resultados, do Vasco Vilaça e do Ricardo Batista, atletas ainda bastante jovens e que perspetivam uma excelente época.

Nas mulheres, as coisas não correram como esperávamos, pois tivémos alguns azares, como a Melanie a adoecer antes da prova e a Maria a ter alguns problemas com adversárias no segmento de natação, o que levou a que as suas provas ficassem condicionadas.

Ainda assim, os indicadores gerais foram bons e as prestações, apesar das condicionantes, foram dignas. Lembrar que a Maria fazia a sua estreia nestes palcos.

Nota ainda para o João Silva, que claramente teve um dia mau no segmento de natação, mas que não virou a cara e lutou até ao fim.

A próxima etapa do mundial está agendada para Leeds, a 11 e 12 de Junho.

Parceiros