World Match Racing Tour enche o Rio Tejo

World Match

O dia começou com a última regata de frota que finalizou o qualifying do World Match Racing Tour e determinou as quatro equipas que passaram direto à fase dos quartos-de-final (1.º Ian Willians, 2.º Yann Guichard, 3.º Johnie Berntsson, 4.º Mans Holmberg).

De seguida deu-se início à fase de repescagem que decidiu as quatro equipas restantes que se qualificariam para os quartos-de-final. Esta repescagem foi disputada em formato de match racing, ou seja, barco contra barco, numa “melhor de cinco regatas” em que a primeira equipa a obter três vitórias ficava apurada.

Apuraram-se as equipas de Harry Price (Austrália), Torvar Mirsky (Austrália), Markus Edegran (E.U.A) e Nicklas Dackhamman (Suécia).

 

Quanto aos portugueses, tanto a Adamastor Racing (equipa de Bernardo Freitas) como a Team Portugal (equipa de Hugo Rocha) disputaram a fase de repescagem não tendo, porém, conseguido vitórias, embora tenham dado luta aos adversários.

Quartos-de-final sem equipas portuguesas

Hoje dá-se início à fase dos quartos-de-final, sendo esta noite realizado o sorteio que irá decidir as equipas que se irão defrontar.

Além da competição no mar, no terceiro dia da Regata de Portugal não faltarão atividades em terra. O dia começa com um sorteio que irá atribuir as equipas às marcas/barcos que irão competir na primeira Regata de Portugal.

Segue-se a Visita Oficial do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, integrando as comemorações do 5 de outubro, com honras militares e tiro de largada a bordo do Navio Escola Sagres.

Da parte da tarde, a partir das 15h00, o Navio ficará aberto para receber a visita do público, sendo a entrada gratuita.

Há, ainda, aula de yoga às 11h00; possibilidade de visitar o Vaivém Oceanário entre as 11h00 e as 19h00; e, para terminar o dia, DJ Set ao som do conhecido Deejay Kamala.

World Match Racing Tour

Recorde-se que esta é a 1.ª edição da Regata de Portugal, que arrancou no passado dia 3 de outubro e prolonga-se até dia 7 de outubro, no Terminal de Cruzeiros de Lisboa.

Esta é a etapa portuguesa do World Match Racing Tour – das mais importantes competições internacionais de vela – que traz, pela primeira vez a Lisboa, alguns dos catamarãs mais velozes e ágeis do mundo, construídos com tecnologia de ponta que lhes permite atingir uma velocidade única em mar.

Junte-se a nós para celebrar o mar de portugueses que leva o país mais longe!

Mais informação sobre o evento.

Parceiros

Deixe uma resposta