Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Bairrada impôs-se no contrarrelógio por equipas em Melgaço

A equipa da Bairrada venceu o contrarrelógio por equipas no arranque do 31º Grande Prémio do Minho. Em Melgaço, com a chuva a condicionar o desempenho dos corredores, o equilíbrio de forças deixou em aberto uma acesa disputa nas próximas etapas.

Bairrada arranca na frente do Grande Prémio do Minho

Destinado ao escalão de juniores e organizado pela Associação de Ciclismo do Minho, em colaboração com a Federação Portuguesa de Ciclismo, o 31º Grande Prémio do Minho conta com um pelotão de cerca centena e meia de ciclistas em representação de 24 equipas, 17 portuguesas, uma belga, uma colombiana e cinco espanholas.

Apesar de o prólogo não contar para a classificação geral individual, permitiu medir o pulso ao estado de forma dos participantes, sendo um aperitivo saboroso para o que falta de corrida, uma vez que revelou equilíbrio de forças.

Os bairradinos venceram o prólogo com o tempo de 9m42s. A seguir à Bairrada, as melhores equipas foram a belga ACROG/Pauwels Sauzen/Balen BC, a 3 segundos, a minhota Seissa/KTM Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact, a 4 segundos, e a colombiana Team Ingenieria de Vías/Monsalud, a 15 segundos.

Bairrada

Quatro formações abaixo dos 10 minutos

As quatro primeiras formações foram as únicas que completaram a prova em menos de 10 minutos.

Henrique Queiroz, diretor desportivo da equipa Bairrada, explicou que a equipa “está no Grande Prémio do Minho para ganhar” e que “é muito crucial dar esta alegria aos patrocinadores”. “Era importante vestir a amarela. Não vai ser fácil ganhar porque o pelotão é muito forte, tem grandes equipas, mas estamos aqui para lutar pela vitória”, explicou o treinador

Manoel Batista, Presidente da Câmara Municipal de Melgaço, considera que este tipo de eventos é muito positivo para o concelho. “Estas provas são muito importantes para Melgaço. Trazem dinamismo ao Município e à zona urbana. Movimentam a economia local e ajudam a mostrar o concelho”.

É uma honra receber estas etapas do Grande Prémio do Minho. É uma prova de renome e temos aqui muitas equipas de topo do ciclismo – portuguesas e estrangeiras – e isto ajuda-nos a levar o nome de Melgaço mais longe”..

Primeira etapa em linha

A primeira etapa em linha vai disputar-se hoje sexta-feira, ligando Guimarães (13h30) a Santo Antonino, Mesão Frio (15h24). Os 69,6 quilómetros terminam numa contagem de montanha de segunda categoria, prevendo-se uma primeira triagem para começar a definir a classificação geral.

Pelo meio os ciclistas vão encontrar três prémios de montanha: Fafe, Fareja e Santo Antonino, sendo esta de segunda categoria; e ainda duas metas volantes, situadas no Centro de Ciclismo do Minho – Guimarães (Souto St.ª Maria) – MV SCORE Tech – e na Póvoa de Lanhoso – MV Pormenor Building.

Os primeiros camisolas

Narciso Diogo (Bairrada) partirá para a primeira em linha com a camisola amarela (Discover Melgaço), Daan Grosemans (ACR) com a camisola verde (Score -Tech), Daniel Dias (Seissa / KTM Bikeseven / Matias & Araújo / Frulact) com a camisola azul (Arrecadações da Quintã), Abner Umba (Team Ingenieria de Vias / Monsalud) com a camisola laranja (Cision) e Marco Marques (Tensai / Sambiental / Santa Marta) com a camisola branca (Universidade do Minho).

Texto: ACM
Fotos: Marcelo Lopes / ACM

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta