Centro de Marcha e Corrida em Évora

Foto: Carlos Neves

Irá entrar em funcionamento, dentro em breve, no Complexo Desportivo, o Centro de Marcha e Corrida de Évora, numa iniciativa conjunta entre a Câmara Municipal, o Clube Raquel Cabaço e a Universidade.

Texto / fotos: Carlos Neves

Texto: Carlos Neves
Foto de capa: Carlos Neves – FPA / Luís Barreto – FPA / Marcelino Almeida

Centro de Marcha e Corrida de Évora vai fazer parte do PNMC

O Centro de Évora irá fazer parte da vasta rede de centros do Plano Nacional de Marcha e Corrida (PNMC), criado em 2009 pela Federação Portuguesa de Atletismo, e que tem como objetivos primordiais:

promover a mobilização da população em geral para a prática desportiva; contribuir para o aumento do número de praticantes de marcha e corrida em todo o país;

desenvolver e reforçar junto das comunidades locais, um ambiente social encorajador de um estilo de vida ativo;

desenvolver mecanismos de cooperação entre as diferentes instituições (autarquias, clubes, centros de saúde, organizadores de eventos, entre outros) para aumentar as oportunidades de prática através da criação de iniciativas locais.

Centro de Marcha
Foto: Carlos Neves

Plano Nacional de Marcha e Corrida

Criado com o objetivo de promoção e generalização da prática desportiva junto da população portuguesa, através da prática da caminhada e corrida, o aspeto diferenciador do PNMC reside no apoio técnico proporcionado a todos os praticantes que se deslocam aos Centros de Marcha e Corrida.

O novel Centro de Évora, que deverá começar a receber atletas em meados do mês de Maio, foi dado a conhecer este sábado, no complexo desportivo, numa iniciativa informal integrada na programação que esta semana assinalou, na nossa cidade, o Dia Mundial da Atividade Física.

Apesar da forte chuva que se fez sentir a espaços, alguns praticantes de corrida e de caminhada marcaram presença ao final da tarde e escutaram o professor Orlando Fernandes, da Universidade de Évora (Departamento de Desporto e Saúde), explicar a filosofia do Plano Nacional de Marcha e Corrida e os ensinamentos técnicos de Raquel Cabaço.

Todos os interessados em conhecer o Plano Nacional e Marcha e Corrida deverão visitar o seguinte endereço da internet.

Francisco Laranjeira – Foto: Luís Barreto Fotografia

Elvense apura-se para o Mundial

O atleta elvense Francisco Laranjeira, que representa o Grupo Desportivo Diana, e é aluno da Universidade de Évora, obteve marcas de qualificação para o Campeonato do Mundo de Surdos, que decorrerá este ano, na Polónia, e para os Surdolímpicos, a realizar em 2022, no Brasil.

Este resultado histórico foi alcançado sábado, dia 10, no Campeonato de Portugal de 10.000 metros, competição que foi disputada em Coimbra.

Foto: FPA / Marcelino Almeida

Outro desportista do clube eborense, Henrique Santos, conseguiu o 9º lugar no Campeonato Nacional de Marcha em Estrada (20 quilómetros), que teve lugar no mesmo dia, em Almeirim.

Parceiros

Deixe uma resposta