Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Coimbra Trail, uma festa do trail que não podes perder

Decorreu mais uma edição do Coimbra Trail. Um evento de Trail Running, numa organização conjunta do Clube de Praticantes Coimbra Trail Running, da Câmara Municipal de Coimbra e da Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais.

Decorreu em Coimbra pelo quarto ano consecutivo, integrando três provas competitivas e uma caminhada não competitiva:
– Ultra Trail de 43 km D+ 2400 (Clínicas Leite) – integra os Circuitos Nacionais de Trail Ultra e Trail
– Trail de 26 km D+ 1600 (Samsic Facility)
– Mini Trail de 10 km D+ 500 (Holmes Place)
– Caminhada de 10 km (Águas de Coimbra)

Coimbra Trail

Coimbra Trail recebeu 1050 participantes

O dia começou com a abertura do secretariado e a entrega dos dorsais aos participantes do Coimbra Trail na Junta de Freguesia dos Olivais, cada atleta recebeu no dia anterior uma mensagem com o número correspondente ao seu dorsal de forma a facilitar a entrega do mesmo, sendo apenas necessário apresentar o cartão de cidadão.

Todas as provas partiram e terminaram no mesmo local, como habitual, no largo de Santo António dos Olivais, em frente à igreja.

Coimbra Trail

A quarta edição desta prova emblemática do circuito de nacional de Trail contou com 1050 participantes e a cada ano que passa demonstra ser um evento de excelência.

Ao invés do ano anterior em que todas as distâncias saíram em simultâneo, para esta edição a organização determinou que a partida da distancia maior fosse ás 8 horas, seguindo-se uma hora mais tarde a prova de 26 km e após esta o mini trail e caminhada.

Arena Coimbra Trail

Cada participante recebeu nos dias anteriores um guia do atleta fornecido pela organização com o nome Arena Coimbra Trail com informações muito importantes, tais como, horários do secretariado, horários de prova, zonas de parqueamento, banhos, massagens…organização exemplar.

Na minha opinião acho benéfico que assim seja, pois os ritmos são necessariamente diferentes e possibilita que os atletas das várias distâncias se encontrem ao longo do percurso e não no início evitando os normais engarrafamentos quando acaba o alcatrão e começa o trilho, sendo os últimos 4kms comuns a todas as provas (caminhada incluída).

O director de prova Paulo Gomes assumiu que “Esta foi a melhor organização de sempre. Os atletas adoraram os trilhos, elogiaram a limpeza e a segurança. Com participantes desde o Algarve até Viana do Castelo. Temos vindo a melhorar de ano para ano a nível organizativo e estamos muito contentes”.

 Paulo Gomes “Esta foi a melhor organização de sempre”

A marcação do percurso foi efetuada de forma exemplar, com fitas cor laranja de elevada visibilidade, colocadas a curta distância umas das outras, existiram placas de direção nas divisões das diversas provas e membros da organização colocados ao longo do percurso nos sítios de maior perigo.

Participei pelo segundo ano consecutivo no trail de 26 Km e devo salientar que realmente esta prova surpreende a cada ano que passa. O percurso é muito exigente a nível físico, uma autêntica montanha russa de subidas e descidas técnicas, que vão desgastando os músculos até ao final. Há que reservar forças para a famosa subida da calçada do Tigre, a anteceder a meta, e que este ano mais uma vez se encontrava de garras afiadas!

Na prova em que participei o percurso foi semelhante ao ano anterior, no entanto foram acrescentados mais quatro quilómetros de pura diversão, com dois abastecimentos pelo meio, um ao quilómetro dez na localidade do Dianteiro e outro em Vale de Canas ao quilómetro vinte e dois. Veio mesmo a calhar! Deu para alimentar, refrescar, retirar pedras das sapatilhas que estavam a incomodar e retemperar forças para os derradeiros quatro quilómetros. Concluir esta prova de excelência tem tanto de dureza como tem de beleza!

Trilhos são de uma beleza natural ímpar

Como referi anteriormente os trilhos são de uma beleza natural ímpar e mais uma vez fiquei maravilhado com o trilho da Ribeira da Misarela.Tive o privilégio de o percorrer no ano transato e este ano voltei a ficar fascinado com esta magnífica paisagem a fazer lembrar realmente um bosque encantado.

Na meta a animação era enorme com aplausos a cada atleta que concluía a sua prova, com destaque para a última atleta a completar o exigente percurso de 43 Km, Cátia Roque, da equipa Linces De Montemor, que foi recebida em apoteose e com direito a confettis.

Cada atleta que completou a prova teve direito a um prémio finisher muito bonito. Abastecimento final muito bom a que se seguiu um reforço alimentar composto por sopa de pedra, bebidas várias, e para terminar em beleza a aguardada entrega de prémios.

43 km atleta de casa é o vencedor(183 participantes)

Em femininos assistiu-se à vitória de Sara Silva – Atletismo Clube da Tocha – 05h14m25s, Vera Bernardo – ARCD Venda da Luisa – 05h33m46s chegou a seguir e no lugar seguinte classificou-se Rute Martins – COA / Corvus Trail Tem – 05h35m07.

Pódio feminino 43 kms

O vencedor foi o atleta da casa Alexandre Blaques – Coimbra Trail Running, com 04h09m53s, seguido no pódio de Pedro Veríssimo – ARSM- Associação Recreativa De S. Miguel – 04h14m57s e Bruno Ribeiro – Vikings Trail Runners / CCR Alcabideque – 04h23m37s.

Pódio masculino 43 kms

26 km dominados pelo Vitória FC Trail Running (284 participantes)

António Almeida – Vitória FC Trail Running – 02h23m33s venceu, Pedro Ribeiro – Vitória FC Trail Running – 02h28m28s foi o 2º e o 3º classificado foi Filipe Costa – Clube Desportivo De Espite – 02h31m58s.

Dez primeiros 26 kms

Cristina Couceiro – ARSM – Associação Recreativa De S. Miguel – 03h11m27s foi a vencedora, as duas seguintes proporcionaram espectáculo com a diferença entre ambas a ser de 30 segundos, tendo levado a melhor Vanda Santos – individual – 03h15m05s sobre Andreia Correia – AC Training – 03h15m35s

Pódio feminino 26 kms

OPraticante.pt marcou presença no Coimbra Trail

OPraticante.pt para além de ter sido parceiro média do evento, este representado por Nuno Fernandes 245º geral / 79º M40 – 05h15m05s nos 26 km e Zina Fernandes 141º geral / 31ª feminina – 01h55m57s nos 10 km.

10 km (249 participantes)

A primeira Sara Silva – Holmes Place necessitou de 01h23m22s para percorrer a distância, subiram ao pódio nos lugares imediatos, Ana Mota – Soluções Ideais Imobiliária – 01h24m08s e Liliana Silva – WRR Atalanta Runners – 01h30m33s.

Coimbra Trail
Cinco primeiras 10 kms

Manuel Vicente – DCI / Trilhos Luso Bussaco – 01h01m24s, Orlando Pires – Ozxtreme/ADCR Pereira – 01h04m57s e Bruno Simões – Trail Bela Bela – 01h06m36s completou o pódio.

Coimbra Trail
Cinco primeiros 10 kms

Esta é uma festa do trail que não podes perder!

Coloca já na agenda, o tempo já está em contagem decrescente, tic tac tic tac, 27 de Setembro de 2020.

Classificações.

Página do evento.

Sitio oficial do evento.

Sitio oficial da organização.

Texto: Nuno Fernandes
Fotos: Cedidas pela organização

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta