Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Daniela Campos em corrida marcada por quedas

A portuguesa Daniela Campos foi ontem a 83.ª classificada na prova de fundo para juniores femininas do Campeonato do Mundo de Estrada, em Harrogate, Inglaterra.

A corrida de 86 quilómetros, entre Doncaster e Harrogate, ficou marcada por inúmeras quedas, desde a partida simbólica. Daniela Campos foi uma das corredoras acidentadas ainda antes da partida real.

Daniela Campos “A corrida foi caótica”

Já com a prova lançada, pouco depois do quilómetro 20, a ciclista da Equipa Portugal voltaria a cair, ficando irremediavelmente para trás. “A corrida foi caótica. A dada altura, para tentar evitar uma queda, fiz um movimento da perna que me deixou com o pé preso entre o quadro e a roda de trás. A bicicleta começou a travar e as corredoras que vinham atrás chocaram comigo e caí pela segunda vez”, descreve Daniela Campos.

A segunda queda, tendo obrigado à mudança de bicicleta, ditou um atraso irrecuperável, tanto mais que o carro de apoio da Equipa Portugal estava fora dos vinte primeiros da caravana. Apesar dos contratempos, Daniela Campos deu mostras de resiliência, fazendo questão de levar a corrida até ao fim. Foi a 83.ª, a 13m21s da campeã mundial.

Na luta pelo pódio, foram os derradeiros 500 metros, em subida, que ditaram a sorte da corrida. A estadunidense Megan Jastrab foi a mais forte num sprint de força, deixando a medalha de prata para a belga Julie de Wilde e a de bronze para a holandesa Lieke Nooijen.

Texto: União Velocipédica Portuguesa – Federação Portuguesa de Ciclismo

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta