“Dragão” leva a melhor em clássico emocionante

dragão

Foto: FPB - Sportflash

Que grande espetáculo proporcionaram FC Porto e Sporting CP, dois primeiros classificados da Liga Placard, com o “dragão” a levar a melhor sobre o “leão”, após prolongamento, por 81-78.

Texto: Federação Portuguesa de Basquetebol
Fotos: FPB – Sportflash

O“dragão” levou a melhor sobre o “leão”

Graças a este resultado, o FC Porto igualou o Sporting na classificação.

O clássico não defraudou as expectativas e foi completamente imprevisível de princípio a fim, com ambos os candidatos ao título a alternar entre si no comando do resultado.

Os “verde e brancos” foram para o intervalo com uma vantagem de seis pontos (41-35), mas os donos da casa, o “dragão” aplicou um parcial de 22-9 no terceiro quarto.

Só que este era mesmo um jogo especial, e com 12 pontos consecutivos o Sporting voltou para a dianteira, até o “dragão” recuperar terreno e levar a partida para tempo extra, graças a um parcial final de 8-0.

FC Porto vence Sporting após prolongamento e iguala “leão” na Liga Placard

No prolongamento, o emblema da Invicta acabou por se superiorizar, num intenso duelo em que teve como melhores em campo Larry Gordon (30pts, 11res, 1ast), Jalen Riley (19pts, 2res, 2ast, 3rb), Eric Anderson Jr. (10pts, 4res, 1ast, 1dl) e Tanner McGrew (11res).

Na formação de Alvalade sobressaíram James Ellisor (21pts, 9res, 2ast), Travante Williams (13pts, 5res, 2ast, 5rb) e João Fernandes (11pts, 5res, 1ast, 3rb).

dragão
Foto: FPB – Sportflash

Imortal somou a quarta vitória consecutiva

No Algarve, o Imortal LUZiGÁS somou a quarta vitória consecutiva, depois de ultrapassar o CAB Madeira SAD por 93-82.

Nos minutos iniciais, o conjunto insular ainda liderou as contas, mas os anfitriões acabaram por dominar os acontecimentos, num encontro em que revelaram superioridade na luta das tabelas (36-25 em ressaltos).

No Imortal destacaram-se DJ Fenner (26pts, 2res, 1ast, 2rb, 1dl), Jalen Jenkins (24pts, 10res, 5ast) e Tanner Omlid (18pts, 5res, 3rb, 2dl).

No CAB assumiram preponderância Robertas Grabauskas (22pts, 8res, 1ast), Diogo Gameiro (17pts, 2res, 8ast), Nuno Sá (12pts, 4res, 1rb, 1dl), Amen Cheeseman (10pts, 4res) e Paul Jorgensen (10pts, 3res, 1ast).

Foto: FPB – Sportflash

UD Oliveirense segue em crescendo

A UD Oliveirense também segue em crescendo, e este domingo bateu (93-56) o FC Barreirense, fora de portas.

O bicampeão nacional assumiu as rédeas do jogo bem cedo, e com parciais de 22-14, 30-20, 19-17 e 22-5 construiu um triunfo sólido e que beneficiou dos 27 turnovers do adversário.

Na turma de Oliveira de Azeméis deram nas vistas João Guerreiro (18pts, 5res, 2rb), Justin Alston (17pts, 6res, 1ast), Terrell Carter (17pts, 8res, 1ast, 3rb), EC Matthews (15pts, 5res, 1rb) e Larry Austin Jr (11pts, 3res, 1ast, 2rb).

No Barreirense as melhores prestações pertenceram a Tony Lewis Jr (17pts, 5res, 1ast), KJ James (10pts, 2res, 2ast) e Ian Kinnard (10pts, 5res, 1ast).

Lusitânia superou o Esgueira

Nos Açores, o Lusitânia Expert superou o Esgueira/Aveiro/OLI por 79-75.

Foi uma vitória difícil de arrancar para a equipa de Angra do Heroísmo, que com um parcial de 8-0 no derradeiro quarto acabou por se colocar, em definitivo, no comando.

Relativamente à estatística individual, no Lusitânia, realce para as prestações de Keven Gomes (16pts, 3res, 1dl), Temidayo Yussuf (15pts, 12res, 3ast, 1dl), Kyle Mallers (14pts, 6res, 3ast, 3rb), Chris Davenport (12pts, 5res, 2ast, 2dl) e Render Woods (12pts, 3res, 5ast, 2rb).

Do lado do clube de Aveiro estiveram em foco Mike Fofana (23pts, 6res, 2ast, 1rb), Cuyler Mosley (20pts, 4res, 3ast, 2rb) e Gonçalo Madureira (12pts, 4res, 2ast).

Vitória SC não permitiu veleidades

A norte, o Vitória SC não permitiu veleidades ao Galitos Barreiro, e triunfou por 100-67.

À entrada do último quarto, os “conquistadores” já tinham um avanço de 32 pontos (75-43), num jogo em que ganharam 44 ressaltos.

No Vitória SC destacaram-se Jaron Hopkins (20pts, 4res, 6ast, 1rb), Coreontae DeBerry (18pts, 8res, 5ast, 2rb, 2dl), André Bessa (14pts, 8res, 2ast, 1rb) e Alfred Parrish (14pts, 2res, 3ast, 3rb, 1dl).

No Galitos assumiram despesas Quinton Doggett (19pts, 7res, 2ast) e Derreck Brooks (16pts, 5res, 4ast, 1rb, 1dl).

Foto: FPB – Sportflash

Académica Efapel sorriu no final

No abrir da 21.ª jornada, a Académica Efapel sorriu () na receção ao Maia Basket.

Os parciais de 29-15 e 19-12, no segundo e último quartos, respetivamente, foram fundamentais para a vitória dos “estudantes”, que registaram 42 ressaltos.

Na Académica mostraram sinal mais Robert McCoy (23pts, 13res, 4ast, 5rb, 1dl), Ashford Golden (21pts, 3res, 1ast, 2rb, 1dl), Paulo Caldeira (15pts, 4res, 4ast, 2rb, 1dl) e Malcolm Richardson (12pts, 4res, 8ast).

No opositor maiato as principais figuras foram Theo Johnson (30pts, 8res, 1ast), Bright Mensah (18pts, 4res, 5ast, 2rb), David Gomes (10pts, 6res, 1ast, 4rb) e Lamar Morgan (10pts, 3res, 2ast, 3rb).

Parceiros

Deixe uma resposta