Nuno Borges faz história no Oeiras Open

Nuno Borges

O português Nuno Borges (378.º do ranking ATP) voltou a vencer no histórico court central do Complexo Desportivo do Jamor, em Oeiras, para se qualificar pela primeira vez na carreira para os quartos de final de um torneio do ATP Challenger Tour.

Pouco depois, Gastão Elias (323.º) voltou a vencer para se juntar ao compatriota na próxima fase do segundo Oeiras Open organizado pela Federação Portuguesa de Ténis.

Texto: Gaspar Ribeiro Lança
Fotos: Sara Falcão

Sitio oficial do evento.

Jovem maiato Nuno Borges está pela primeira vez nos quartos de final de um Challenger

Campeão nacional absoluto e número 378 do ranking ATP, o jovem tenista maiato levou a melhor sobre o italiano Raul Brancaccio (354.º) depois de três partidas de grande qualidade, com os parciais de 6-4, 4-6 e 6-3, ao converter o sexto match point no derradeiro jogo de serviço.

Foi mais um marco na minha carreira, um pequeno passo.

Estou muito feliz por ter ganho hoje.

Senti que era um encontro que tinha de ganhar e por isso custou-me mais fazer o meu jogo”, observou Borges.

Nos primeiros quartos de final da sua carreira no circuito Challenger vai defrontar Manuel Guinard, francês que é o número 324 do ranking e derrotou o compatriota Hugo Grenier (258.º) na manhã desta quarta-feira, por 6-4 e 6-1.

Nuno Borges
Gastão Elias

Gastão Elias também avança

Depois de Nuno Borges, também Gastão Elias avançou para os quartos de final do Oeiras Open 2.

Depois da vitória contra Marco Trungelliti no encontro da primeira ronda, o jogador português (323.º) aplicou os parciais de 6-1 e 6-3 ao prodígio espanhol Carlos Gimeno Valero, 292.º classificado que já em 2021 conquistou o primeiro título Challenger da carreira, em Las Palmas.

Esta semana sinto-me a jogar melhor.

Estou mais leve e mais confortável dentro do campo.

Também já lá vão sete encontros em terra batida e tudo conta.

Era o que eu esperava, como disse tinha um pouco de preocupação em relação à primeira ronda, mas sentia que a partir daí as coisas poderiam melhorar e isso tem-se notado.

Estou a sentir-me cada vez melhor dentro do campo e espero prolongar esta boa forma”, comentou o finalista vencido da última semana.

Para chegar às segundas meias-finais consecutivas, o ex-top 60 ATP terá de passar pelo búlgaro Dimitar Kuzmanov, que esta quarta-feira foi responsável pela eliminação do terceiro cabeça de série, o norte-americano Ernesto Escobedo (184.º), com 6-2 e 6-2.

Estreias de portugueses em pares sem sucesso

Esta quarta-feira também ficou marcada pelas estreias de três jogadores portugueses na variante de pares, mas sem sucesso:

Jaime Faria e Tiago Torres deram boa réplica na primeira aventura em quadros principais, mas não conseguiram contrariar a experiência de Pavel Kotov e Chun-hsin Tseng e perderam por 6-2 e 6-4,

enquanto Gonçalo Oliveira e o sul-coreano Duckhee Lee cederam pelos parciais de 6-0 e 6-2 para Enzo Couacaud e Manuel Guinard, primeiros favoritos.

Na quinta-feira, a partir das 14 horas, Tiago Cação defronta Mischa Zverev em busca de um lugar nos quartos de final, seguido do duelo entre Gonçalo Oliveira e o primeiro favorito, Oscar Otte.

Ambos os encontros serão transmitidos em direto na Sport TV.

Parceiros

Deixe uma resposta