Rafaela Araújo aguarda oportunidade de ir há selecção

Rafaela Araújo

Rafaela Araújo, do Darque Kayak Clube, encontra-se elegível para a selectiva de apuramento continental / mundial, para a selecção nacional de velocidade, pela Federação Portuguesa de Canoagem, mas perante a pandemia que afectou o mundo, tudo está suspenso.

A atleta da Darque Kayak Clube, Rafaela Araújo, que já representou as cores da selecção nacional, nomeadamente na maratona, foi considerada atleta elegível, para c1 feminino 200m e c2 feminino 500m num rol restrito de atletas divulgado no comunicado oficial nº 11/2020 da FPC.

Esta elegibilidade permite à atleta deste Clube Darquense de Viana do Castelo participar na selectiva interna da Federação Portuguesa de Canoagem em C1 200m e C2 500m, cujos melhores atletas irão disputar os campeonatos da europa e do mundo sénior.

A Rafaela Araújo está na lista dos elegíveis pela sua classificação na Taça de Portugal de velocidade em 2019 no escalão sénior.

E OPraticante.pt esteve à conversa com a atleta, para que fique mais conhecido o seu passado e o seu futuro.

Rafaela Araújo

Rafaela Araújo encontra-se elegível para a selectiva de apuramento continental / mundial

OPraticante.pt – Quando iniciou a modalidade e se praticou outras modalidades ?

Rafaela Araújo – Iniciei em 2013 e sim pratiquei outra modalidades, como futsal, kickboxing, badminton, voleyball, entre outros.

OP – Se praticou outras modalidades, o que sentiu ao praticá-las e o que a levou a optar pela canoagem ?

RA – Basicamente gostei de todas as modalidades que pratiquei, mas a canoagem foi a que mais me entusiasmou e me conquistou o coração.

Darque Kayak Clube

OP – Que Clubes representou ?

RA – De canoagem, o primeiro e único clube que representei foi o Darque Kayak Clube.

OP – Qual o resultado mais prestigiante que obteve até ao momento e o que significou para si ?

RA – O mais prestigiante foi o 3º lugar na Short Race na Taça do Mundo em Prado, Vila Verde e o 5º lugar no Campeonato da Europa, em Ponte de Lima. Foi um sentimento inexplicável, e o resultado de todos os esforços aplicados nos treinos e o trabalho árduo.

OP – Que objectivos tem pra o seu futuro?

Na canoagem, eu já integrei a seleção nacional de maratona mas o meu objetivo base é integrar a seleção nacional de pista, ou seja, distâncias curtas ( 200 metros ou 500 metros).

A nível formativo/formaçao fiz a licenciatura em desporto, neste momento estou a fazer o estagio Profissional e depois penso em fazer o mestrado.

[divide icon=”circle” width=”medium”]

Texto: Henrique Dias – OPraticante.pt / DKC
Fotos: Darque Kayak Clube

Parceiros

Deixe uma resposta