Sub-20, Campeonatos Europeus começam hoje

Sub-20

Portugal estará representado nos Campeonatos Europeus Sub-20 por 18 atletas (9 masculinos e nove femininos), que competirão em Tallinn (Estónia) já a partir de hoje (dia 15 de julho) até ao próximo domingo, dia 18 de julho.

Leia também

Marcha Atlética, Ouro e Prata nos Europeus de equipa

Texto/fotos: Federação Portuguesa de Atletismo

Marcha Atlética e meio-fundo em destaque

A comitiva portuguesa tem uma final (10 000 metros em marcha atlética, em femininos) marcada já para hoje.

A marcha (cinco atletas) e o meio-fundo (seis atletas) são os setores mais representados, ao invés dos saltos que, desta vez, não tem nenhum atleta presente.

Entre os participantes portugueses apenas quatro estão nos top 10 anuais das suas disciplinas e são todos especialistas de marcha atlética.

Sub-20
A seleção portuguesa sub-20 feminina de marcha atlética garantiu em maio deste ano, a melhor prestação coletiva do Europeu da disciplina, com Adriana Viveiros no segundo lugar individual.

As três marchadoras portuguesas apresentam-se nesta lista de elite, com Inês Mendes a ser a terceira europeia nos 10.000 metros em marcha atlética (ela que é a melhor sub-20 europeia em 20 km marcha), imediatamente à frente de Adriana Viveiros (quarta) e com Bruna Marques a ocupar a oitava posição.

A final desta prova é já amanhã a partir das 17h30 (hora portuguesa).

Pedro Dias, também marchador, é o nono do ranking europeu de 2021, e a final da sua prova de 10 000 metros em marcha atlética será no próximo sábado (dia 17 de julho) às 8h05.

Todos os restantes atletas encontram-se em Tallinn para tentarem superar os seus recordes pessoais e dois deles (ainda atletas sub-18), Sisínio Ambriz e Leonor Ferreira, terão uma experiência importantíssima ainda numa fase inicial da sua carreira.

Sub-20
Sisínio Ambriz – foto de arquivo

Portugal já conquistou 21 medalhas nos Campeonatos Europeus Sub-20

Fernanda Ribeiro (3000 metros, em 1987);
Carlos Silva (400 metros barreiras, em 1993);
Susana Feitor (1993) e Sofia Avoila (1995), ambas em 5000 metros marcha);
Nelson Évora (comprimento e triplo, em 2003);
e Nuno Pereira (1500 metros, em 2019).

A melhor participação de sempre de Portugal foi em 1993, em San Sebastian, com duas medalhas e nove lugares de finalista, e em 2019, a última edição realizada, Portugal conquistou três medalhas e teve seis finalistas.

O desempenho dos atletas portugueses pode ser acompanhado na página oficial na internet da Federação Portuguesa de Atletismo e também nas redes sociais da FPA, com as provas a terem os resultados em direto na página oficial da European Athletics.

Parceiros

Deixe uma resposta