Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Abacate – Um fruto tropical interessante!

Imagem 1Um fruto que começa, a pouco e pouco, a fazer parte do nosso cardápio é o abacate. Mas será que sabe o que é que este fruto tem de diferente? Aqui ficam algumas informações.

Composição Nutricional

Muitos portugueses “torcem” o nariz quando falamos deste fruto. Não porque o sabor seja desagradável, mas sim porque está a ser introduzido na nossa cultura gastronómica e por essa razão não estamos habituados.

Como qualquer outro fruto, o abacate é maioritariamente constituído por água (ver Tabela 1). Contudo, este fruto distingue-se dos demais pelo seu elevado teor de gordura (10,5 g em 100 g) e baixo teor de açúcar (2,3 g). A gordura contida no abacate é uma gordura monoinsaturada (de origem vegetal) que lhe concede uma riqueza natural em ácidos gordos. Por sua vez, estes conferem-lhe propriedades anti-inflamatórias. Outro benefício provindo da gordura monoinsaturada é que promove o aumento da lipoproteína de alta densidade (HDL) – conhecida como o bom colesterol. E não fica por aqui! É que a qualidade da gordura, que a polpa do abacate contém, aumenta a sensação da saciedade, e é por isso que este fruto é cada vez mais frequente na alimentação dos praticantes de desporto.

Abacate

No que diz respeito às suas propriedades antioxidantes, estas devem-se sobretudo à presença de vitamina E e de carotenóides que diminuem os efeitos nefastos provocados pelos radicais livres, e portanto, retardam o envelhecimento celular. 

Versatilidade culinária

Imagem 2A forma ideal de consumir o abacate é em cru (in natura) uma vez que não contém conservantes nem foi sujeito a processos de refinação e/ou extracção de óleo. Claro que não precisa de comer um abacate inteiro de uma só vez! Pode apenas comer 2 ou 3 colheres de sopa, ou 1 fatia, e guardar o restante abacate no frigorífico, devidamente acondicionado. Ainda assim, pode incluí-lo nas suas refeições sob a forma de saladas (cortado em cubos ou fatias), molhos (temperado com sal e tomate), sobremesas (polpa ou mousse) e até como chá.

 

Portanto, o abacate:

– É pobre em açúcar;

– Tem propriedades anti-inflamatórias, devido ao seu teor de ácidos gordos;

– Possui vitamina E e carotenóides que reduzem os efeitos dos radicais livres;

– Pode ser consumido de diversas formas.

 

Referências:

  1. Tabela da composição dos alimentos. Instituto Nacional Ricardo Jorge;
  2. Massafera, G, et al. Composição de ácidos graxos do óleo do mesocarpo e da semente de cultivares de abacate. Alim Nutr 2010 Jun; 21, 325-331;
  3. Vieites, R, et al.  . Capacidade antioxidante e qualidade pós-colheita de abacate “fuerte”. Rev Bras Frutic, 2012 Jun; 34, 336-348;
  4. Imagem 1: Poder das frutas
  5. Imagem 2: Bolsa de Mulher

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta