Privacy Policy Page
Privacy Policy Page
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Águas Bravas e Darque partilham triunfos em Amarante

Em mais uma jornada de promoção do slalom, o Rio Tâmega e a bela cidade de Amarante acolheram a 26.ª edição do Slalom Internacional de Fridão, que proporcionou duelos bastante interessantes na luta pela obtenção dos melhores tempos. Com dois primeiros lugares cada, o Águas Bravas Clube e o Darque Kayak Clube assumiram-se como os clubes dominadores da competição.

Águas Bravas Clube

Águas Bravas Clube e o Darque Kayak Clube assumiram-se como os clubes dominadores da competição

Na prova de K1 Masculino, a vitória foi alcançada por Roberto Ribeiro (Águas Bravas Clube), com o registo de 103,73 segundos. Os restantes dois lugares do pódio também foram para canoístas do Águas Bravas Clube: Alexandre Magalhães foi 2.º classificado, com o tempo de 104,08 segundos, enquanto Rodrigo Magalhães obteve o 3.º posto, com a marca de 105,88 segundos.

Em K1 Feminino, Rafaela Araújo (Darque Kayak Clube) conquistou o 1.º lugar ao terminar com o tempo de 162,48 segundos, com Mara Gomes, também do Darque Kayak Clube, a concluir o 26.º Slalom Internacional de Fridão na 2.ª posição, com a marca de 163,58 segundos. Mariana Pinheiro (Águas Bravas Clube) fechou o pódio ao terminar com 166,07 segundos.

Roberto Ribeiro (Águas Bravas Clube) repetiu em C1 Masculino o triunfo obtido na prova de K1 Masculino, desta feita com o registo de 113,59 segundos. Frederico Alvarenga (Aventura Marão Clube) garantiu a 2.ª posição, com o tempo de 119,19 segundos. Em representação dos espanhóis do TEA, Andres Alonso, com o registo de 126,28 segundos, foi 3.º classificado.

A competição de C1 Feminino foi ganha por Rafaela Araújo (Darque Kayak Clube), que também venceu em K1 Feminino, desta vez com a marca de 271,99 segundos. Na tabela classificativa seguiram-se mais duas canoístas do Darque Kayak Clube: Helena Aráujo na 2.ª posição, com o registo de 276,14 segundos, e Valéria Araújo no 3.º lugar, com a marca de 463,71 segundos.

Águas Bravas Clube

Mais de meia centena de canoístas participou no 26.º Slalom Internacional de Fridão

O percurso do 26.º Slalom Internacional de Fridão contou com um percurso de 150 metros com corrente, obstáculos naturais e portas de grau II e III. Os treinos livres decorreram no sábado, tendo o domingo ficado reservado para a disputa das eliminatórias e das finais.

Clube Náutico Barquinhense, Águas Bravas Clube, Darque Kayak Clube, Aventura Marão Clube e Associação de Mergulho e Actividades Subaquáticas de Vizela foram os clubes portugueses presentes na competição organizada pela Federação Portuguesa de Canoagem, pela Associação de Canoagem do Norte de Portugal e pelo Águas Bravas Clube (Amarante).

Segue-se, a 28 e 29 de março, em Vizela, o Campeonato Nacional de Slalom 2020.

Slalom de pequenino é que se torce o pepino.

Texto / foto: Federação Portuguesa de Canoagem

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta