Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Alcácer do Sal, acordou com um sorriso na cara

Mais uma manhã, no caso a de 27 de Outubro de 2019, que “acordou com um sorriso na cara”, tamanha era a azáfama de pessoas pela bonita cidade de Alcácer do Sal.

Alcácer

Mas nada que admirasse os habitantes de Alcácer do Sal que já estão habituados a receber, e bem, os atletas que aqui se deslocam anualmente para participar na Maratona do Vale do Sado, uma organização do BTT Team Cegonhas do Sado que já vai na sua 14ª Edição o que só por si já é sinal de excelência e profissionalismo na sua organização.

Alcácer

Maratona do Vale do Sado na bonita cidade de Alcácer do Sal

Com partida apontada para as 9h no interior da Escola Básica Pedro Nunes, desde cedo e após abertura do Control 0 que a manga de partida ficou composta com os cerca de 200 atletas que se proposeram a participar em ambos os percursos disponibilizados pelos Cegonhas do Sado, no caso a Meia Maratona com 45km e cerca de 500d+ e a Maratona com 70km com 950d+.

Dado o sinal de partida após breves palavras de entidades e briefing da organização, os atletas foram conduzidos atrás do carro da GNR e da organização até entrarem nos trilhos já fora da cidade de Alcacer do Sal na localidade da Barrosinha.

Alcácer

 

Traçado bonito e rápido, mas sem deixar de ser exigente, os atletas iam rolando por estradões, single tracks e caminhos rurais, tendo ainda um contato direto com bovinos mansos, o que aliou o desporto e a natureza pura na sua plenitude total, que levaram ao 1º abastecimento na localidade de Santa Catarina onde foram brindados com musica e muito publico, que animado com a passagem dos atletas deu grande apoio e força para os km que faltavam, visto estarem ultrapassados os primeiros 28km de prova.

Alcácer

A separação fatal

Cerca dos 36km deu-se a separação dos percursos, com os atletas da Meia Maratona a dirigirem-se de imediato em direcção a Alcacer do Sal e os atletas da Maratona a terem pela frente as exigentes subidas das imediações da belíssima Barragem do Pego do Altar, que os levavam a locais em que era possível avistar as imediações com paisagem bonitas e que certamente ficaram na memoria daqueles que ainda as conseguiram vislumbrar.

Em Santa Susana, cerca de 45km decorridos de prova, encontrava-se o 2º abastecimento. De referir que tal como no 1º abastecimento, nada faltava aos atletas que quisessem hidratar-se e alimentar-se, não esquecendo igualmente os pontos de abastecimento liquido distribuídos pelo percurso.

Rapidamente chegou-se aos últimos 10km sendo maioritariamente percorridos junto ao serpentear do canal de rega até se dar entrada na estrada de acesso à cidade na zona da Barrosinha.

A meta estava instalada no Largo do Tribunal, onde após finalizar a prova os atletas tinham à sua disposição um reforço alimentar, tendo sido de imediata realizada a cerimónia de entrega dos prémios, mas não sem antes chegarem todos os participantes no evento.

 

Maratona (70 km)

Bruno Rosa – Vasconha BTT / Vouzela obteve o primeiro lugar com 02h25m30s, Pedro Trindade – JDM / Snack Bar Pinheiro da Chave – 02h28m56s no lugar imediato se classificou e a fechar o pódio João Garcia – BTT C.C Cumeadense – 02h29m01s.

 

Uma única e coragosa senhora de seu nome Claudia Alegria em representação da Team Escala Visual, que percorreu a distância dos 70 km em 04h25m59s

 

Meia Maratona (45 Km)

A veteranissima Leontina Palhas – BTT JD Carvalhal continua a demonstar a sua vitabilidade, a espalhar magia, incentivando as mais novas para a prática desportiva por onde passa, mais uma vitória destacada com o tempo de 02h22m55s, no segundo lugar ficou Marilene Carvalho – GoGirls GoperSports – 02h29m34s e Ana Reis – Grupo Desportivo Baixa S. Pedro Sines – 02h34m10s em terceiro lugar.

 

Fernando Carriço, individual percorreu a distância em 01h47m31s sagrando-se vencedor, a compor o pódio José Miguel Almeida – Sharish Gin / G.D Piranhas do Alqueva com 01h47m34s e Rodrigo Mateus – JDM / Snack Bar Pinheiro da Chave com 01h47m40s.

 

OPraticante.pt representado nas duas distâncias em Alcácer do Sal

Francisco Heitor

OPraticante.pt esteve representado neste evento por Francisco Heitor 86º nos 45km, com 02h51m02s e Ricardo Saraiva 36º nos 70km, com 03h13m29s.

Ricardo o ultimo destes BTTistas retratados pela câmara de Paula Costa

Os banhos foram no Parque de Campismo em virtude de problemas de ultima hora com as Piscinas cobertas, o que ficou um pouco aquém do esperado, mas sem responsabilidades da organização, que tentou resolver a situação.

Espírito de confraternização e camaradagem

O almoço, de Porco no Espeto, foi servido no refeitório da Escola Básica Pedro Nunes, onde o espírito de confraternização e camaradagem entre os atletas e equipas era visível e de enaltecer.

Em suma um evento uma vez mais excelentemente organizado onde os Cegonhas do Sado tudo fizeram e dispuseram para que nada faltasse aos atletas e acompanhantes que naquele dia se deslocaram a Alcácer do Sal no intuito de passarem uma agradável manha em plena confraternização, diversão e amizade.

A terminar uma palavra de agradecimento à organização pela forma como recebeu os nossos representantes, a Paulo Costa da equipa da Team Escala Visual, que juntamente com a Paula Costa, que efectuou um belo trabalho fotográfico do evento, e com OPraticante.pt cooperaram, fazendo com que este projecto se encontrasse representado por dois atletas, tendo o Ricardo, tido participação na noite anterior na II Resistência 2H BTT Operária Amorense, artigo que contamos inserir brevemente nos nossos meios.

Texto: Ricardo Miguel
Fotos: Paula Costa

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta