Privacy Policy Page
Privacy Policy Page
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Taça do Mundo de XCO, arranque a meio da tabela

Seleção Nacional iniciou campanha da Taça do Mundo de Cross-County Olímpico (XCO) em Albstadt, na Alemanha. Na prova de sub-23 masculinos, João Rocha foi 44.º enquanto que o estreante Rafael Rita foi 59.º classificado.

Taça do Mundo de Cross-County Olímpico (XCO)

A Seleção Nacional deu ontem as primeiras pedaladas na Taça do Mundo de Cross-County Olímpico (XCO) 2019, cuja primeira das sete rondas da época, decorre até amanhã, em Albstadt, na Alemanha. No programa competitivo da etapa germânica da Taça do Mundo de XCO, os Sub-23 masculinos foram os primeiros a entrar em pista alcançando, no final da corrida de sábado à tarde, um resultado na primeira metade da tabela. João Rocha, sub-23 de terceiro ano, foi 44.º e Rafael Rita, na estreia na categoria, alcançou o 59.º posto. A corrida, com condições meteorológicas favoráveis, foi conquistada pelo suíço Filippo Colombo, mais hábil nas partes de descida do circuito e que se impôs com dois segundos sobre os rivais, o romeno Vlad Dascalu e o francês Antoine Philipp.

João Rocha – foto de arquivo

À sua terceira participação em Albstadt, com o 44.º posto (a 5m27s), João Rocha melhorou o seu desempenho – em 2017 foi 59.º, em 2018 foi 74.º classificado – numa corrida na qual recuperou algumas posições desde a grelha de partida com 144 corredores. Já o ex-campeão nacional júnior Rafael Rita – em 2018 foi oitavo classificado em Albstadt, numa prova paralela à Taça do Mundo – recuperou mais posições do que o compatriota face à grelha de partida mas acabou mais atraso, no 59.º posto, a 6m29s do vencedor.

Uma prestação melhor e um resultado esperado

O João Rocha teve uma prestação melhor do que no ano passado e obteve um resultado na primeira metade da tabela. O circuito de Abstadt conta muitas zonas de difícil ultrapassagem pelo que o posicionamento na linha de partida (atribuído pelo ranking UCI) é determinante para o desempenho final. Trata-se já de um corredor de terceiro ano e com bastante experiência pelo que veremos o que consegue alcançar na próxima etapa da Taça do Mundo, na República Checa. O Rafael Rita fez uma corrida de recuperação de lugares e conseguiu um resultado dentro do esperado apesar de ser um estreante na Taça do Mundo“, avaliou Pedro Vigário, Selecionador Nacional.

Rafael Rita
Rafael Rita

A Seleção Nacional de XCO compete este domingo com os restantes selecionados. Pela manhã, Marta Branco e Raquel Queirós competem na prova de Elites e Sub-23 feminina e, pela tarde, é a vez dos Elites masculinos entrarem em ação. Um trio de portugueses está entre os inscritos da principal corrida do programa de Albstadt. Mário Costa representará a Seleção Nacional enquanto que David Rosa e Ricardo Marinheiro estarão a competir com as cores das respetivas equipas.

Texto / Fotos: União Velocipédica Portuguesa – Federação Portuguesa de Ciclismo

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta