Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Barcelinhos, Jogos do Rio encerram com grande enchente

Chegou a fim mais uma edição dos Jogos do Rio. A iniciativa dos Amigos da Montanha voltou a caraterizar-se pelo dinamismo, pelos jogos, pelas brincadeiras, pelo fairplay e pela boa-disposição. Ao longo de quatro sábados, os olhares estiveram virados para o Areal de Barcelinhos. A preocupação com o rio Cávado e as questões ambientais estiveram, mais uma vez, no foco das atenções desta iniciativa que acontece há 21 anos.

Areal de Barcelinhos

No último sábado, o Areal de Barcelinhos voltou a ganhar um colorido muito especial. Assistiu-se àquela que foi a maior enchente desta edição dos Jogos do Rio. As altas temperaturas aliaram-se em definitivo a esta iniciativa e foram centenas as pessoas que não quiseram perder a oportunidade para participar num evento que acontece de forma totalmente gratuita.

De realçar uma vez mais o trabalho de parceria com outras associações, grupos e entidades ao longo dos anos que possibilitam um programa amplo e diversificado de atividades nos quatro sábados dos Jogos do Rio.

Neste último sábado, houve a atuação de dois dos grupos que vão marcar presença no Festival Internacional de Folclore do Rio, organizado, no próximo sábado, pelo Grupo Folclórico de Barcelinhos.

Jogos do Rio são desporto, ambiente e lazer

Se os Jogos do Rio são desporto, ambiente e lazer, são também sinal de cultura e isso esteve bem evidente com as atuações de grupos oriundos dos EUA e da China. Terminado o momento cultural, houve espaço para uma demonstração de karaté pelo Clube de Karaté de Barcelos (CKAB) e para uma maratona de spin bike pelo Máximo Gym.

Entretanto, no Cávado, as motas de água da Associação Moto Galos agitavam as águas, com dezenas de passeios. Já durante a manhã os utentes, duas dezenas de utentes da APACI e APAC tinham tido oportunidade de experimentar esta modalidade, para além dos passeios de canoa e de uma atividade de orientação.

Fairplay, a ética, a determinação e a inclusão

Nos Jogos do Rio que têm como conceitos principais o fairplay, a ética, a determinação e a inclusão, esta foi também uma manhã diferente e uma experiência única. Os Amigos da Montanha procuram proporcionar diversas atividades de inclusão através do desporto e esta foi mais um exemplo.

O slide a atravessar o Cávado, a parede de escalada, os passeios de canoas, os insufláveis e piscinas completaram o leque de atividades à disposição de todos no areal.

Sábado, aconteceram também os últimos jogos dos torneios de futebol, voleibol, atletismo, orientação, canoagem e escalada. Nos torneios masculinos, o primeiro lugar da classificação geral foi entregue ao Fórum Jovem. Já no sector feminino, Os Académicos voltaram a subir ao mais alto lugar do pódio. Em infantis, a equipa de Roriz levou a melhor.

Vencedores Trofeu Fairplay

A AD Carreira (infantis), as Chiquinhas (femininos) e o Lijó Life (masculinos) venceram o prémio Fairplay e Lucas Machado (Roriz), Sara Teixeira (Andorinhas) e Diogo Machado (Juventude da Pousa) arrecadaram o galardão de Menino do Rio. Estes são dois dos troféus muito acarinhados pela total identificação do espírito dos Jogos do Rio.

Vencedores Trofeu Meninorio

“Na animação, estivemos ao rubro”

No final, o diretor dos Jogos do Rio, Lim Costa, destacou os valores que pautaram esta iniciativa: “Só podemos estar contentes pelo convívio, o fairplay e o respeito mútuo entre as equipas. Na animação, estivemos ao rubro. Mais uma vez, demonstrámos que sabemos cuidar do rio e queremos cada vez mais pessoas a frequentar o rio. Queremos transformar este areal numa praia fluvial. Penso que estamos a caminhar para isso”.

“Barcelinhos sente-se orgulhoso”

Já o presidente da Junta de Freguesia de Barcelinhos, Rui Peixoto, agradeceu aos Amigos da Montanha pelo dinamismo que proporcionam na freguesia: “Barcelinhos sente-se orgulhoso pela forma como os Amigos da Montanha promovem esta dinâmica”.

Barcelinhos

“Obrigado por trazerem pessoas ao rio”

Por fim, o vereador do Desporto da Câmara Municipal de Barcelos, Francisco Rocha, também elogiou a organização dos Jogos do Rio: “Obrigado por trazerem pessoas ao rio e por limparem o Areal. Sem os Amigos da Montanha, isto não seria possível. Obrigado por trazerem ao Areal milhares de pessoas ao longo deste quatro sábados”.

A encerrar mais esta edição dos Jogos do Rio houve aula de zumba pela professora Luciana Silva e festa da espuma.

Texto / Fotos: Amigos da Montanha

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta