Coluna Dto
Coluna Esq

EHF Euro 2020: Heróis do Mar no Main Round

A Seleção Nacional voltou a carimbar uma vitória frente à Bósnia, por 27:24, na 2ª Jornada, do Grupo D, do EHF Euro 2020 – Campeonato da Europa de 2020 e beneficiou da derrota de França qualificando-se assim para o Main Round.

EHF Euro 2020

Portugal entrou em campo, ontem à tarde, para a disputa da 2ª Jornada, do EHF Euro 2020 – Campeonato da Europa de 2020, frente à Bósnia Herzegovina, com Alfredo Quintana, Fábio Antunes, Alexandre Cavalcanti, Daymaro Salina, Rui Silva, Belone Moreira e António Areia.

Foi um início de encontro bastante equilibrado, com o ponta direita, António Areia a inaugurar o marcador, no que se seguiram diversas igualdades até perto dos 10 minutos de jogo, altura em que Portugal consegue três golos de vantagem, em 8:5.

Esta vantagem foi mantida até aos 22 minutos de jogo, altura em que a Bósnia consegue reduzir a diferença que ficou pela margem mínima aos 25 minutos da primeira parte.

Nos últimos 5 minutos, a Bósnia iguala a partida, mas Rui Silva e Pedro Portela voltam a distanciar a turma lusa no marcador, mas a formação balcânica volta a conseguir reduzir para um golo e Portugal sai para o intervalo a vencer por 12:11.

EHF Euro 2020

Segundo tempo do Portugal – Bósnia – EHF Euro 2020

Na entrada para o segundo tempo, a formação da Bósnia consegue um parcial de 3:0, e passa para a frente do marcador, mas João Ferraz volta a empatar a partida, com um golo espetacular, perto dos 40 minutos, e Pedro Portela, na conversão de um livre de 7 metros, volta a colocar Portugal na frente.

Mais tarde, o mesmo ponta direita, deu a liderança a Portugal por quatro golos, quando o placar assinalava 20:16. A Seleção Nacional foi mantendo a consistência e liderou a partida até ao final, vencendo o encontro por 27:24.

Portugueses em destaque

Alfredo Quintana foi o MVP do encontro e Pedro Portela o melhor marcador, com 10 golos.

Alfredo Quintana, MVP do encontro, mostrou-se feliz mas ponderado. “Estou muito feliz, alcançámos o nosso primeiro objetivo, que era chegar ao Main Round, e agora temos que continuar a trabalhar. O nosso sucesso vem de todas aquelas vezes que fracassámos e que nos voltámos a levantar.

Estamos mais maduros, mais experientes, entramos mais tranquilos no jogo. Vamos passo a passo, tentar melhorar o 7º lugar. Se defender só uma bola e ganharmos o jogo, sou o homem mais feliz do Mundo.” – realçou.

“O céu é o limite”

Paulo Pereira, Selecionador Nacional, mostrou-se feliz pela conquista deste objetivo mas não quer ficar por aqui. “É uma satisfação enorme, ver a alegria de toda a gente, já lá estamos, a partir daqui, o céu é o limite. De qualquer forma vamos disputar o 1º e 2º lugar deste Grupo, queremos romper o paradigma.

Acrescentando “É um gosto trabalhar com toda a gente, o mais importante já temos, a partir daqui é continuar e mantermo-nos lá e trabalhar sempre para melhorar. Eles não são só excelentes atletas de andebol mas são também excelentes pessoas.

O nosso objetivo é melhorar o 7º lugar, que Portugal conquistou na Croácia, para já estamos nas 12 melhores seleções da europa, agora é continuar!” – realçou o Selecionador Nacional.

A Seleção Portuguesa dedica esta vitória ao piloto Paulo Gonçalves que faleceu, este domingo, num acidente durante a participação na 7.ª etapa do Rally Dakar, aos 40 anos. A Federação de Andebol de Portugal envia sinceras condolências aos familiares e amigos.

Portugal terá o seu terceiro jogo no EHF Euro 2020, amanhã pelas 19h30 defronta a Noruega.

EHF Euro 2020

Classificação – Grupo D

1º – Portugal, 4 pontos
2º – Noruega, 2 pontos
3º – França, 0 pontos
4º – Bósnia Herzegovina, 0 pontos

Texto / Foto: Federação de Andebol de Portugal

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta