Coluna Dto
Coluna Dto
Coluna Esq
Coluna Esq

Campeões Nacionais de Greco Romana e Livre Feminina

Os melhores Lutadores Masculinos e Femininos de todo o País subiram ao tapete para disputarem os mais altos títulos em disputa na presente época, os títulos de Campeão Nacional Individual de Luta Greco Romana e Luta Livre Feminina de 2016

greco-romana

Os Campeonatos Nacionais foram realizados pela Federação Portuguesa de Lutas Amadoras no Pavilhão Municipal da Quinta do Conde em Sesimbra, com a co-organização, pelo segundo ano consecutivo, o Grupo Desportivo e Cultural do Casal do Sapo.

Antes das disputas dos 20 títulos nacionais, procedeu-se ao desfile de meia centena de lutadores de 9 clubes e à entrega dos Prémios Anuais da FPLA de 2015.

As 9 instituições presentes foram:

De Braga – Casa do Povo de Martim;
De Lisboa – Sport Lisboa e Benfica, Junta de Freguesia de Casal de Cambra, Casa Pia Atlético Clube, Clube Musical União;
Do Porto – Altis Clube de Paredes;
De Setúbal – Clube de Lutas do Bastos, Grupo Desportivo e Cultural do Casal do Sapo, Ginásio Atlético Clube.

Os homenageados pela FPLA foram:

Melhor Cadete Masculino – Diogo Merca do GDC Casal do Sapo;
Melhor Cadete Feminino – Matilde Viana do do GDC Casal do Sapo;
Melhor Júnior Masculino – Pedro Caldas do do GDC Casal do Sapo;
Melhor Absoluta Feminina – Liliana Santos do GDC Casal do Sapo;
Melhor Sénior Masculino – Hugo Passos da Casa Pia AC;
Lutador Internacional do Ano – Daniel Caldas do GDC Casal do Sapo;
Prémio Fair-Play – Liliana Santos;
Árbitro do Ano – Carlos Araújo;
Homenagem do Ano – Paulo Costa (PCCA – Paulo Costa Comunições Audiovisuais);
Homenagem do Ano – Menção Honrosa – David Silva (O Praticante);
Homenagem do Ano – Menção Honrosa – João Vitor Costa (Mundo da Luta Olímpica);
Personalidade do Ano – Luís Fontes.

greco-romana01

Campeões e as Campeãs de Portugal de Greco Romana e de Livre Feminina.

As campeãs de Portugal, nas categoria das Jovens Promessas, em Cadetes, são:
Nos 43Kg, a Ana Pinto do SL Benfica conquistou o seu primeiro título nacional.
Matilde Viana do GDC Casal do Sapo, nos 49Kg, conquistou o seu tricampeonato.
Nos 52Kg e nos 60kg, as lutadoras do Altis CP, a Sofia Costa e a Ana Andrade conquistaram os seus primeiros títulos, depois de já terem representado a Seleção Nacional.
Já nos 70Kg, a Sofia Oliveira da CP Martim conquistou o seu terceiro título.

No escalão de Absolutas, as campeãs são:
Na categoria de 53Kg está, nem mais nem menos, a atleta internacional com mais títulos e internacionalizações de Portugal na modalidade, Liliana Santos do GDC Casal do Sapo, conquistou o seu 13 título nacional, todos obtidos ininterruptamente.
Nos 63Kg, Cláudia Martins do GDC Casal do Sapo conquistou o seu segundo título.

O clube que mais arrecadou Campeãs Nacionais foi o Grupo Desportivo e Cultural do Casal do Sapo com 3. Segue-se o Altis CP com 2 e o SL Benfica e a CP de Martim com 1.

Nos Masculinos, os Campeões de Portugal nos escalões das Promessas Nacionais, em Cadetes, foram:
Na categoria de 54Kg, João Caldas do GDC Casal do Sapo, ainda Iniciado, subiu de escalão para conquistar o seu primeiro título.
Nos 63Kg, André Silva do GDC Casal do Sapo conquista o seu segundo título consecutivo.
Já nos 69Kg, Daniel Caldas do GDC Casal do Sapo conquista o seu terceiro título consecutivo.
Nos 76, 85 e nos 100Kg, foram campeões pela primeira vez o Diogo Moniz do CM União, o Ruben Silva do CL Bastos e o Leandro Luís da CP Martim.

Nos Juniores Masculinos, todos os vencedores foram, Campeões pela primeira vez:
Assim nos 60 e nos 66Kg, os campeões, foram, o António Cabral e o Julinho Dju da JF Casal de Cambra.
Nos 84Kg, foi o Efin Pintea do GDC Casal do Sapo.
E nos 100Kg, o vencedor foi o Ruben Pimenta do CP Martim.

Na Elite da modalidade, os Seniores Campeões de Portugal foram os seguintes lutadores:
Nos 75Kg, o campeão pela 18 vez, foi o Hugo Passos da Casa Pia AC.
Nos 85Kg, foi o Rui Silva do Altis CP a vencer ao anterior campeão David Coelho da Casa Pia AC, numa competição em que ele estava a lutar com o coração, onde pretendia dedicar o título ao Pai, que tinha falecido nas semanas anteriores. Importa referir que, o seu último tinha sido conquistado à 12 anos atrás, conta com 3 título nacionais nesta verente.
Nos 96Kg, o novo campeão foi o Guilherme Oliveira da Casa Pia AC conquistou este título pela primeira vez.

Em termos coletivos quem arrecadou mais Campeões Nacionais foi, também, o Casal do Sapo com 4, seguido da Casa Pia, de Martim e de Casal de Cambra com 2 campeões. Com 1 ficou o União, o Bastos e o Altis.

Regularam os combates a Equipe de Arbitragem constituída pelos Internacionais João Costa e Rui Marta e os Nacionais Eugénio Bernardes, Frederico Bastos, Carlos Nunes, Paulo Dores, Carlos Araújo e Liliana Santos.

Sobre o Autor

Artigos relacionados

Deixe uma Resposta